MENU

24 de junho de 2009 - 10:31F1

A paz que a F1 precisa

SÃO PAULO | E chegou ao fim a segunda temporada de 2010, uma F1 no espaço. Já.

O que a Fota queria é tirar Max Mosley do poder. Conseguiu. E recolocou a F1 nos trilhos.

Foi bem rápida, a segunda sequência da série. Imaginava-se que duraria mais. Por enquanto, os detalhes são poucos: Mosley não concorre à reeleição, mas nenhum candidato natural surge; não se fala em limite de  gastos, mas vai haver corte de custos; não haverá dois campeonatos em 2010, mas o esquema será como nos anos 90.

Fico na dúvida se Mosley sai de cabeça erguida. Foi o cara que batalhou e deu cabo à briga. Que bateu o pé, esperneou e enfrentou as equipes até provocar esse esboço de cisão. Disse que não haveria jeito de abdicar da ideia do teto orçamentário, mas acabou abdicando do trono. Tem aquela história que às vezes é preciso dar um passo atrás para depois dar dois à frente. A F1 vai andar só porque suas pernas permitiram.

Enfim, a paz. A próxima novela vai ser ver até quando tudo fica tudo normal.

6 comentários

  1. João Ferreira disse:

    Pois é o véio vai entregar o boné….e disse fazem o que quiser FOTA, se virem….vou tirar o meu time de campo….

    Tá certo….a ideia do orçamento limitado ajuda a manter o equilibrio das equipes, porém a Formula 1 precisa criar uma melhor competitividade entre elas, esse negócio de decidir tudo em dois pilotos é complicado….

    Por exemplo, este Kers, só as equipes “grandes” investiram nisso, não funcionou, se eles tivessem colocado um botijão de nitro limitado em cada carro, daria certo, quem saber usá-lo, teria mais ultrapassagens e emoção….

    Acontece que tudo imposto é complicado, a FOTA que deve criar as regras, controlar os custos, ou seja, ser ótimos administradores de empresa e a FIA deve julgar aqueles que violarem estas regras…..e acabou….

    Quanto a organização de corridas, as equipes podem até não saber, mas tem diversos pseudos Eclestone que querem organizar um campeonato com elas….como já havia manifestação de administradores de autodromos, emissoras de TV, patrocinadores, entre outros que iriam juntos, a FIA ficaria sem ninguém….então apelou e fez o acordo com a FOTA…..meio desesperadamente….

  2. Tiago S. disse:

    Eu não tenho dúvidas, quem ganhou foi o Bernie, com a faca e o queijo na mão vai continuar preparando a pizza com mais queijo nos pedaços dele.

    A FOTA pensa que venceu, só que o Max queria mesmo é se aposentar, já tinha dito isso. Só não queria sair do trono com essa divisão das equipes. Diria que deu empate entre os dois.

  3. Pedro Migão disse:

    Fala-se no Ari Vatanen como um possível sucessor.

  4. Guga. disse:

    Acabou! Acabou! É FOTA! É FOTA!

    Será que foi esse o comentário do Galvão?

  5. Mauro Andres disse:

    Entendo que o Max deve ter cansado um pouco de tudo isso. Pelo que entendi, ele não tinha intensão de reeleição e, depois de tanto desgaste, ele deve ter colocado tudo na balança e concluiu que o mundo deveria continuar girando independente da vontade dele.

    Obviamente se pudesse deixar o seu legado da forma como queria seria um orgulho pessoal, mas há muita coisa envolvida ($$$) para que tudo fosse separado por uma falta de conversa.

    Falaram muito de grana, custos e lucros. Espero que tenha sobrado na pauta dos dirigentes algo sobre a competição em si porque essa Formula 1 de estratégias de boxe está cansando. Eu pessoalmente nunca dormi tanto ao assistir as corridas….zzzzzzzzzz…

    Abs.

  6. Arnold disse:

    Quem não sabia que isso não ia dar em nada?? fala pra mim….fala?
    :-(
    Essa veiarada é foda viu!! Ainda bem que não perdi mto tempo lendo sobre o assunto…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>