MENU

31 de julho de 2009 - 16:54F-Indy

Gancia: Brasil está na Indy 2010

SÃO PAULO | 16h50, acabo de conversar com Carlo Gancia, que confirma: o Brasil vai ter uma prova da Indy em 2010.

A Indy vai anunciar às 18h (de Brasília), que o país vai abrir o calendário do ano que vem, mas sem mencionar o lugar. Como dito antes aqui, haverá um prazo, de dez a 15 dias, para que todos os contratos sejam assinados e, assim, possa-se definir a sede da etapa.

Por tudo que ouvi — e Gancia não se manifestou a respeito —, o favorito é o Rio. Em sendo lá, nada de Jacarepaguá — André Buriti e defensores, gritai e manifestai!: o local será o Aterro do Flamengo. A capital fluminense ganharia, assim, a briga com Ribeirão Preto, “sede” do etanol brasileiro, que abastece os carros da categoria e pintava como favorita no início das negociações, e Salvador, que pintava como terceira opção.

Atualizado às 18h50: a corrida acontece no segundo domingo de março, dia 14, e não no penúltimo, dia 21. Não há chance de se fazer depois do Carnaval porque não seria viável pegar uma rede hoteleira que ainda vai estar cheia.

Opinai, caros internautas.

6 comentários

  1. Fernando disse:

    Ribeirão Preto tem tudo para transmitir a Fórmula Indy. É a capital mundial do Etanol. O Rio é muito violento. Fernando

  2. Danilo Girotto disse:

    Depois de perder o mundial de moto gp,nada melhor que esta noticia se concretize o mais rapido possivel,e não so a indy mas toda e qualquer categoria teria passe livre para atuar no Brasil.

  3. Renato disse:

    Estou acompanhando as notícias sobre essa prova… mas tem um ponto que eu não estou entendendo.

    As prefeituras em questão seriam investidores/promotores diretos no/do evento, ou “apenas” tem de assinar garantia de aportar dinheiro (até os tais 21 mi) caso os eventuais promotores privados falhem no seu compromisso de investir?

  4. Gustavo Flausino disse:

    Victor, 22 de Março é uma segunda feira…o correto seria dia 21.

    VM responde: Exato, Gustavo. De qualquer forma, anteciparam em uma semana. Será dia 14. Abraços.

  5. André Buriti disse:

    Victor, só uma pergunta:
    Quem vai ser o Major Sponsor da IRL ano que vem? APEX?
    Por acaso eles vão vir com aquela conversa de etanol brasileiro na IRL?
    Leia lá no meu blog, e depois esse link aqui, se por por esse motivo então eles estão mentindo:
    http://www.jornalcana.com.br/conteudo/noticia.asp?area=Producao&secao=Cana-Clipping&id_materia=35646

    Quanto ao local, pode ter certeza, talvez seja Salvador… não estou brincando, aguarde.

  6. Arnold disse:

    sei q nao tem nada a ver mas lá vai :

    10 dicas para salvar a Fórmula 1:

    É fato que a F1 virou um lixo. E nem comparo com a época de Piquet, Prost e do saudoso Ricardo Patresi. As corridas conseguiram ficar mais chatas do que a época que só dava Schumacher e a coisa mais interessante que podia acontecer era um carro passar por cima do pé de um mecânico num pit stop.
    Equipe pequena ganhar corrida é muito broxante. Prefiro a previsibilidade de uma F1 com atitude do que esses caras com macacão branco, com patrocinadores toscos, levando tudo com seu complexo de vira-latas.
    A Orkutização da F1 chegou num grau infame, a ponto dos pilotos mais descolados considerarem a hipótese de criar uma nova categoria mais alinhada com a exclusividade de ser um cara único e apreciado pela elite pensante. A mesma sensação de “azedou a festa” que o Hamilton deve sentir ao ver o Barrichelo sacudindo uma champagne, a galerinha do Twitter sente ao ver o cara dando um “boa noite galera, vou dormir pq amanhã tem treino” e pensar seriamente em se prostituir para conseguir logo um convite pro Google Wave.
    Então, antes que algum japonês ganhe uma corrida, está na hora de repensar tudo. De abraçar novas propostas que façam a F1 voltar a ser algo que valha a pena acordar às 9 da manhã de um domingo.
    As 10 melhores dicas para fazer a F1 voltar a ser interessante:
    10. Calotas giratórias.
    9. Ao finalizar uma ultrapassagem, o piloto deve mostrar o seu dedo do meio para quem ficou para trás. Se não o fizer, 10 segundos de penalização nos boxes.
    8. Adeus chaves de roda pneumáticas. Trocas de pneu roots, girando no braço.
    7. Mudar horário das corridas para sábado de tarde. Tá, ná real não agrega nada pra F1, mas pelo menos tira o Caldeirão do Huck do ar.
    6. Nos replays das batidas, inserir vinheta com o keyboard cat.
    5. Loopings.
    4. Seguir o exemplo da Fifa e realizar a corrida apenas de 4 em 4 anos, para evitar a banalização do “semana sim / semana não.
    3. Fazer os pilotos postarem mais no Twitter. Durante a corrida.
    2. Pit Stop obrigatório para um “bikini carwash”.
    1. Pilotos comemorando e bebendo 1 garrafa de champagne ANTEs da largada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>