MENU

27 de janeiro de 2010 - 10:59F1

Campos Parte

SÃO PAULO | A história da presença da Campos na F1 também merece um espaço na grade de programação, do tipo segundo horário das novelas. Informações pingam aqui e ali e se contrapõem com a certeza que vem sendo aplicada pelos envolvidos com a equipe. A mais extrema delas dá conta de que a equipe tem cinco dias para definir seu futuro. Do contrário está fora da categoria.

Adrián Campos e Bruno Senna têm garantido que a equipe vai estar no Bahrein para a abertura do campeonato — nem que a Campos use a corrida como um treino de luxo. Depois de ter sido abandonado terrivelmente pelas empresas espanholas e de o plano de ter um sobrenome forte que lhe trouxesse patrocinadores, inclusive brasileiros, ter falhado, o dirigente abriu negociações com Tony Teixeira, outro que se viu na sarjeta pelo fracasso da A1GP.

Ontem, o jornal espanhol Las Provincias afirmou que as mãos que seguravam os píres haviam sido apertadas e que só faltava a documentação da união das partes — o que significa pouca coisa, há de se convir; o mundo caga e anda para acordos verbais. O anúncio, continuou o periódico provinciano, seria anunciado entre ontem e hoje. Ontem nada aconteceu.

Pois hoje surgiram outras infos. Campos viajou para Belgrado e foi tentar vender a equipe para Zoran Stefanovic, vulgo Stefan. O preço seria € 12 milhões mais o que Campos assumidamente deve para a Dallara, a fabricante do chassi. O glorioso Stefan, que ficou com o espólio da Toyota e trabalha como se estivesse inscrito no grid para 2010, agradeceu a oferta, perguntou “que equipe, cara pálida?”, mandou lembranças e recusou.

Campos partiu para Teixeira, que tem demonstrado um interesse pela F1 já há algumas temporadas — época da Spyker, por exemplo. Nada mais normal, pois, que a união. A revista alemã Auto Motor und Sport explicou também hoje a história: Teixeira quer ressuscitar a A1GP dentro da F1, usando o último campeão como vitrine, no caso Adam Carroll. Principalmente porque Carroll poderia levar um patrocínio pomposo. À Reuters, Teixeira confirmou tal intenção — nada falou sobre Carroll. E o norte-irlandês coçou o queixo e ergueu as sobrancelhas. Não viu lá muita vantagem. A negociação emperrou.

Também, a Auto Motor und Sport informou que Bernie Ecclestone teve uma conversa com Teixeira. O tom do papo foi que o dono da F1 só aceitaria uma sociedade de Tony com a Campos, ou até uma compra, caso o dirigente da A1GP pague tudo que deve lá para o pessoal de sua categoria. Bem do tipo: “Se você tá devendo lá, imagina o que não vai fazer aqui…”

E que Teixeira resolva tudo isso rápido. A publicação alemã citou um prazo, 1º de fevereiro, para que a Campos resolva sua situação. Se até lá, cinco dias, não resolver sua pendenga financeira, perde sua licença ao som de “Adeus, eu vou partir”. E a Stefan, apoiada por Bernie, entra no lugar.

E repito: Campos e Senna garantem que estarão no Bahrein — como escrevi dias atrás, em conversa com o sempre notável assessor Márcio Fonseca.

Está no ar a nova novela do automobilismo: Campos Parte.

40 comentários

  1. ra disse:

    Se não estrear pelo menos seremos poupados das barbeiragens do 1º sobrinho pagante!!

  2. Pelêla disse:

    Não se desesperem. O Bruno Senna vai correr. Minha opinião: Vão fazer um 21 no carro dele (tem um contrato da Embratel na gaveta, mais uma graninha do Vitaly Petrov na parada). Por isso que eles têm certeza de que vão correr. A disputa está em “quem vai ter que pagar a Dallara primeiro”.

  3. Tiago Mendonça disse:

    Pena! E pensar que o Bruno tinha um contratinho pronto pra ser assinado com a Mercedes no início de 2009, heim Vitão? Tomara que tudo se arrezorva! Abs!

  4. Joca disse:

    Mesmo sem correr, o menino já avacalhou com o nome do tio. Enquanto o Ayrton começava a ganhar as corridas fora das pistas, o sobrinho consegue assegurar a lanterninha já em Janeiro. O sujeito não é do ramo.

  5. Leonardo Barros disse:

    Ainda aposto q o Bruno cai fora, nem Campos, nem Stefan, quando ele assinou tinha q ter assinado com a STR, O Bergher tinha como dar um baita empurrão lá

  6. Squa disse:

    Não é o Stefan que conversa com o Pi(lantra)quet? Então, junta as duas e faz uma dupla Piquet-Senna.

  7. Júlio disse:

    E pensar que barraram a entrada da Prodrive, equipe que tinha um projeto sério e dinheiro para entrar na F-1, para colocar essas “bombas”, tsc, tsc.

  8. GUSTAVO BUIATTI disse:

    ACHO QUE SERÃO SO 12 EQUIPES, E QUE É MELHOR O SENNA ESPERAR UMA NOVA OPORTUNIDADE EM 2011. PQ CASO A CAMPOS CORRA, COM CERTEZA SERÁ O PIOR CARRO DA TEMPORADA E ELE PODERÁ QUEIMAR A CHANCE DE ESTAR NA F1.

  9. Eudemar disse:

    Campos e Senna garantem que estarão no Bahrein, mas com este jogo de empurra-empurra, e sem o apoio do Bernie, dificilmente, a Campos vai sequer participar dos treinos iniciais da temporada 2010!
    Na minha opinião, Senna, fez mal negócio, deveria ter procurado uma equipe, mais bem estruturada e ai sim, oferecer o patrocinador $$$, e entrar de vez, na F1!

  10. Dr. Paxeco disse:

    Rápido senhores! Vamos fazer uma abaixo assinado para que Bruno Senna estréie pela Stefan GP, ou, que pelo menos, venha correr de estaque aqui no Brasil.

  11. Raul disse:

    Criativo o nome da novela.

    Abs.

  12. no money, no F1!
    Lá, os fracos não têm vez…
    Bye Campos..

  13. Eudes disse:

    E se a Stefan entrar … o Piquet volta??? Ele disse que não!!! mas a equipe também não ia correr. Então não tinha muito o que aceitar, já que não ia correr. E correndo?. A questão é que se Senna levou dindin em patrocínio, esse dinheiro já era … portanto … pra comprar outra vaga – USF1? tem que arrumar mais dinheiro. O vai que a Stefan leve ele junto!!!

  14. Daniel Ramos de Oliveira disse:

    Na real o Bernie quer tirar a Campos da F1,não sei o porque disso.Eu acho que ele pensa que o carro da Toyota de 2010(agora da Stefan),seria bom,e ia meter “pimenta” na briga dos grandes,sonho dele né?(ou não,quem sabe).Mas tem uma coisinha nessa história:Se a Stefan GP realmente entrar quem vão ser os pilotos dela?Minha opinião tem três nomes nessa história:Bruno Senna(que ficaria sem a vaga da Campos),Ralf Shumacher(que tá doido pra voltar) e Pastor Maldonado(esse dai tem muita grana,e é bem doido,principalmente nas ultrapassagens),vamo ver no que vai dá essa história…A Stefan GP tá na minha lista pessoal com o Ralf(hehehehe),será que ela vai entrar de vez?

  15. Carlos disse:

    O Bernie tocou fogo na Campos e na USF1 com suas declaraçãoes, resta saber quem ele quer colocar na Stefan GP, até para o Nelsinho ele ofereceu uma vaga. Talvez ele queira o Bruno por lá !!!!!!!! , quem entende as negociatas desse cara.

  16. Leonardo de Souza disse:

    “Campos e Senna garantem que estarão no Bahrein” Como participantes do Campeonato ou como espectadores do mesmo?

  17. Roberto Neves disse:

    Na boa o Tony não compra nunca o time
    Deve pra Ferrrari .
    Campos dificilmente ira conseguir a tal grana .
    E a Stefan deve entrar mesmo.
    Ao menos é o que se entende pela notícia apesar que…
    Uma pena caso a Campos fique de fora pq me pareceu sempre que o time vinha pra ficar e ainda com a Dallara que não brinca em serviço.
    No lugar do Tio Eclestone eu arranjava um comprador pra Campos fazia um acordo com os times e colocava 14 times na F-1
    E apenas sonho uma vez que a divisão de lucros impede a turma de aceitar mais um pra dividir o bolo .

    Um abraço do downforce.com.br a todos Victorista do Blog

  18. Antonio Eduardo Gomes disse:

    VM, acabei de acessar o blog do Fabio Seixas e há uma informação que a Renault fechou com o Vitaly Petrov para a vaga de piloto em aberto. Então pergunto “o que é mais fácil: termos um GP do Brasil de Formula Indy em São Paulo com pista seca ou a Campos no grid do GP do Bahrein?”

  19. Celso Silva disse:

    O Senna não aceitou a proposta da Mercedes pra correr no DTM em 2009, mal sabia ele que a equipe estava planejando romper com a McLaren para seguir caminho próprio na F1, hoje B. Senna poderia estar (talvez) na Mercedes.

  20. Romulo disse:

    Com esta palhaçada que fizeram com o Bruno, acho que agora vai vingar a parceria que queriam os brasileiros na F1, Senna e Piquet juntos na mesma equipe, é so o Bruno migrar para os EUA, ja que esta desempregado, e correr na mesma equipe do Piquezinho.

  21. dcoelho disse:

    Bem feito. Entregaram a vaga pro picareta do Adrian Campos ao invés de deixar a “vaga espanhola” (cada uma das novas equipes é oriunda de um país diferente) nas mãos da Epsilon Euskadi. A equipe do Joan Villadelprat já tem larga experiência em protótipos, além de uma fábrica própria com túnel de vento, o que facilitaria a construção do carro, daria mais segurança ao projeto da equipes e, por consequência, facilita a captação de patrocinadores.

  22. Alexandre Lourenço disse:

    Dica de jogo de F-1
    http://www.baixaki.com.br
    Nome do game : mini racing on line
    muito bom podem baixar, ele não é so on line não e é bem pequeno o arquivo , eu recomendo e divirtam-se!!!!

  23. Andrey disse:

    hahaha, q legal, o 1º sobrinho vai ficar a pé, huahuahua….

  24. EdisPJ disse:

    http://www.oconsumidoremdebate.blogspot.com

    …isso tá parecendo mais ‘a volta dos que não foram…’
    Tem gente quase enfartando na Globo, a essas alturas…
    Se o primeiro-sobrinho não entrar neste ano, pode esquecer…

  25. Atenágoras Souza Silva disse:

    Espirituoso como sempre, hein Sr Martins? :-D
    Já pensou em pedir um patrocínio da Telefónica para o Blog cobrir esta nova novela? :-D
    Você, realmente é muito criativo.

    Um grande abraço do fundo do meu coração vermelho de outubro de 1917,
    Atenágoras Souza Silva.

  26. Mayko disse:

    É claro que para o Bernie o sobrenome Senna é mais do que bem vindo na formula 1

  27. JORJÃO disse:

    briga de cahorro grande

  28. Leonardo Barros disse:

    O futuro do Bruno Senna é correr junto com os milionários “braço duro” do Troféu Masseratti

  29. Leonardo Barros disse:

    CAMPOS !!! PEDE PRA SAIR SEU 21 !!! PEDE PRA SAIR

  30. André Costa disse:

    Victor, pro Bernie não seria interessante incluir o Bruno Senna na Stefna GP? Caso realmente ganhem a vaga??

    Sds.

    André Costa

  31. ricardo disse:

    ta faltando profissionalismo destas equipes, onde tem muita noticia a respeito não seria boato, formula 1 precisa de equipes que façam um bom grid e não que completem grid, a usf1 tambem tem que ficar de olho

  32. Diogo Maia disse:

    Espero que tudo isso seja apenas uma cena de suspense que dará vez a capítulos de emoções mais alegres.
    O fracasso da Campos pode no fim adiar por mais um ano a estréia de Bruno Senna na f1. A esperança ainda existe pois USF1 ainda não definiu seu outro piloto e nem a Renault. Agora é esperar pra ver se pelo menos a Stefan nasce ou vira também mais uma que gritou para ninguém ouvir.

  33. Dionisio disse:

    O Bruno ainda pode ser um bom jogador de golf.

  34. Fabio disse:

    Bruno Senna terá que esperar mais um ano? Acho que não. Desconfio que se não for dessa vêz não será nunca mais!

    • Ricardo disse:

      Concordo, se ele quiser voltar, só como pay-driver, uma vez que naufragou clamorosamente a tentativa da Campos de usar o sobrenome dele para atrair patrocínios.

  35. Al Unser Jr. disse:

    Como diria o Sr. Campos: A la puta carajo! kkkk Donde fue parar la plata del veinte uno???

  36. Cesar disse:

    Putz, pelo jeito ferrou de vez…A esperança agora é que a Stefan assuma no esquema porteira fechada, mas sem envolver $$$$ à Campos. Senão o Bruno vai ter que esperar mais 1 ano…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>