MENU

14 de março de 2010 - 10:10F-Indy

Franchitti, pole em SP

ANHEMBI | Dario Franchitti é o pole da primeira corrida da Indy em São Paulo. O escocês deixou a concorrência para trás na disputa da superpole na manhã deste domingo (14), com a reta do sambódromo permissiva às disputas, ultrapassando o então líder Will Power em sua última volta rápida.

O atual campeão marcou 1min27s735. E não terá Power a seu lado, não. Isso porque Alex Tagliani, da estreante FAZZT, também melhorou e conseguiu o segundo tempo, apenas 32 milésimos pior.

Power caiu para terceiro e Justin Wilson, agora na Dreyer & Reinbold, fecha a segunda fila. O norte-americano Ryan Hunter-Reay, da Andretti, sai em quinto, ao lado do companheiro Tony Kanaan, melhor brasileiro, pois, no grid.

Os 24 pilotos foram divididos em dois grupos, por sorteio. Ainda se adaptando às novas condições da pista, os 12 do primeiro pegaram-na com alguma sujeira. Raphael Matos e Marco Andretti se acharam, e o brasileiro levou a pior, rodando e parando. E Mike Conway, no fim, estacionou numa curva sem conseguir fazê-la. Os dois casos provocaram bandeiras amarelas em toda a pista, o que fez com que perdessem suas voltas mais rápidas. Mesmo assim, Matos passou; já Conway foi demovido.

Wilson acabou com o melhor tempo, 1min28s227, com a ótima Simona de Silvestro num surpreendente segundo lugar. Alex Tagliani e Will Power também garantiram seus lugares por seus méritos e Takuma Sato foi à próxima fase pelo erro de Conway. Mario Moraes nem chegou ir à pista, portanto larga na última fila.

O segundo grupo tinha Milka Duno. E onde há Milka, há algum erro. A pilota da Dale Coyne parou no S do Samba após um erro. Lá também Mario Romancini ficou. O piloto que estreia Indy pela Conquest não conseguiu frear corretamente no fim da já praticável reta do sambódromo e viu-se preso na barreira de pneus. Mais duas amarelas, que limitaram o tempo em pista dos demais.

Como resultado final, Hunter-Reay terminou na frente, 1min27s918, pouca coisa à frente de Castroneves — 27 milésimos. Briscoe, Franchitti, Dixon e Kanaan, na condição de favoritos, ficaram no top-6. Vitor Meira, oitavo no treino, Romancini, décimo, e Bia Figueiredo, em penúltimo, acabaram rifados.

Os aprovados foram à segunda fase do treino que foi movimentado e disputados até seus minutos finais. Aí os incidentes tornaram a aparecer. Briscoe escapou e deu com a lateral direita do carro no guard-rail e Simona apareceu na barreira de pneus. A bandeira amarela voltou à cena, e prejudicou Castroneves, que vinha em volta rápida e não pôde concluí-la. Vai largar apenas em nono, um posto atrás de Briscoe. Antes deles, Dixon. Matos foi o último da patota, então recebendo o 12º lugar. Power foi o melhor, com 1min27s503, precedendo Wilson, Franchitti, Hunter-Reay, Kanaan e Tagliani.

Aí veio a superpole. Power pôs-se logo à frente e dominou a sessão. Só bem no fim que Franchitti apareceu para demovê-lo, trazendo consigo Tagliani. A corrida tem início marcado para as 13h (de Brasília).

2 comentários

  1. Edmar disse:

    Por que a parte do site que fala sobre formula indy está tão desatualizada?

  2. Arthur disse:

    Alguem por favor avisem o Luciano do Valle que ele já tá gagá!
    Ele tem mania de traduzir tudo ao pé da letra.
    e ainda chama os pilotos pelo primeiro nome… O Dario fez a pole
    Jesus! ajuda ele!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>