MENU

26 de agosto de 2010 - 16:37F1

A corrida memorável

SÃO PAULO | Para alguns 300 e tantas — o Forix, grande site estatístico, aponta 301 —, mas nas contas de Barrichello, a corrida deste fim de semana em Spa-Francorchamps é a 300ª na carreira, então que se comemore, faça festa, encha a cara e tudo mais. Dificilmente algum piloto vai chegar perto do que o brasileiro fez em termos de longevidade na F1. E Rubens tem ainda lenha para umas duas ou três temporadas pelo menos. Creio que chega a 350. E vejam como ele era em 1997, início na Stewart…

Aproveitando a marca história, lanço aos doutos internautas: qual é a prova mais marcante da carreira de Barrichello?

Acho que dificilmente dá outra coisa que não a primeira vitória, na Alemanha em 2000, mas vamovê, vai que os fãs tirem da cartola outros grandes momentos. Mandem bala.

73 comentários

  1. Dario disse:

    Silverstone 2003!!! Imbatível, Inesquecível.

  2. Mike Fox disse:

    Monaco com Stewart na chuva… Lindo de ver

  3. Marcelo disse:

    Interlagos 99….estava no setor A em Interlagos, foi fantástico ver a Stewart saindo da Curva do Sol em primeiro!!!

  4. Rafael disse:

    Pra mim Silverstone 2003 é a melhor!

  5. Leandro Neves disse:

    Eu, que tenho 30 anos e acompanhei toda a sua carreira, conto pelo menos 20 excelentes corridas, e umas 5 espetaculares. Vejam a lista:

    1993 – GP Europa (ab), GP França (7°) e GP Japão (5°)
    1994 – GP Brasil (4°), GP Pacífico (3°), e GP Bélgica (ab)
    1995 – GP Canadá (2°), GP Hungria (7°)
    1996 – GP Brasil (ab), GP Espanha (ab)
    1997 – GP Mônaco (2°), GP Luxemburgo (ab)
    1998 – GP Canadá (5°)
    1999 – GP Brasil (ab), GP San Marino (3°), GP França (3°), GP Itália (4°)
    2000 – GP Inglaterra (ab), GP Alemanha (1°)
    2001 – GP Alemanha (2°), GP Itália (2°), GP EUA (ab)
    2002 – GP Brasil (ab), GP Áustria (2°), GP Inglaterra (2°), GP Itália (1°)
    2003 – GP Brasil (ab), GP Inglaterra (1°), GP Japão (1°)
    2004 – GP França (3°), GP Itália (1°), GP China (1°)
    2005 – GP Austrália (2°)
    2008 – GP Austrália (desc.), GP Mônaco (6°), GP Canadá (7°), GP Inglaterra (3°)
    2009 – GP Europa (1°), GP Bélgica (7°), GP Itália (1°)
    2010 – GP Europa (4°), GP Inglaterra (5°).

    Quem se lembra destas corridas sabe do que Rubens é capaz. Mas, na minha ordem, as campeãs são Alemanha/2000, Europa/1993 e Silverstone/2003, nessa ordem.

  6. Estêvão disse:

    Sem dúvida em 2000 na Alemanha foi formidável ,depois em 2003 na Inglaterra( ele tinha errado na 6ºfeira e Schumacher debochado do erro) ,mas por fim a 100º do Brasil em Valência 2009 foi no minímo emocionante.

  7. Miguel Varca disse:

    Lembram da Inglaterra em 2003 (nao tenho certeza do ano) quando ele passou muita gnt durante a corrida e que teve ate aquele maluco escoces que invadiu a pista?? Pra mim essa foi a melhor, uma das provas mais arrojadas do Barrica e que acabou com sua vitoria. So aproveitando o gancho, quando vi a foto dele com o boné da Stewart lembrei de um GP Brasil que vi do setor A por volta de 99,qdo o Rubinho passou o Irvine de Ferrari na reta dos boxes la do setor A. Essa foi demais tb !! É isso… Abraços

  8. Marco António disse:

    Penso que o GP da Europa de 1993 terá sido uma das grandes corridas do Barrichello em que andou em 3º durante a maior parte da corrida e só perdeu a posição a 2 ou 3 voltas do final. Isto, com um Jordan-Hart!

  9. PH di BH disse:

    Discordo de quase todo mundo. A prova mais marcante foi Austria 2002. Todo mundo lembra dela o tempo todo. Ninguem lembra da 1a vitoria dele o tempo todo.
    Até o próprio Rubinho, fala mais dessa corrida do q da sua primeira vitoria. Não?

  10. Roland T Frackphaiser disse:

    Acho que pra mim foi em uma corrida pela grande pequena Stewart (como eu gostava daquela equipe) em que o simplório Barrichelo, a bordo de seu fordinho de corrida conseguiu uma ultrapassagem fantastica para cima do campeoníssimo Schumassa na curva, algo que no fute seria como o Asa de Arapiraca fazer um golzinho no Santos, o que lhe valeu posteriormente o contrato na equipe italiana. O outro momento marcante foi justamente na corrida anterior quando o já Pé-de-Chinelo disse “HOJE NÃO!” e voltou a ser aquele cara do fordinho que ousou ultrapassar o carro mito. Tudo entre aquela curva e os cinco centímetros daquele muro foram um limbo acompanhado da músiquinha, “Sempre atrás do alemão!”.

  11. Roberto Aquino disse:

    Sem dúvida nenhuma, o GP que ele entregou para o Schumacher, na Áustria.

  12. Vivinho disse:

    Putz, cara! O Flávio Gomes ja fez essa enquete…

  13. Sem contar Hockenheim/2000, óbvio, vou colocar Silverstone/2003 (pelo “calem a boca” após a prova), Suzuka/2003 (pelos beijinhos à equipe na bandeirada), Magny-Cours/1999 (pelo X no Schumacher) e Interlagos/1996 (de Jordan, segundo no grid).

  14. Vanderlei Silva disse:

    Com certeza Hockenheimring. Foi um baita banho de pilotagem dele e aquela disputa com o Hakkinen no final botando aquela diferença com pneus para pista seca são inesquecíveis. Depois, claro, Silverstone 2003, Monza, Valencia 2009.

  15. Pedro Luis Cuenca disse:

    Alemanha/2000 é inesquecível, mas também citaria Merlboune/1999 e Silverstone em 2003 e 2008.

  16. Júlio Cesar disse:

    França 1999 foi marcante para mim. Além é claro de Alemanha 2000 e Silverstone 2003.

  17. Italo Azevedo disse:

    Sem Dúvida, Alemanha 2000

  18. Eu acho que foi aquela primeira vitória pela Brawn no ano passado, quando todos o aplaudiram na chegada aos boxes.
    Foi de arrepiar.

  19. Sidinei disse:

    Acho que a corrida em Monza no ano passado foi verdadeiro massacre. Largar em 5º e chegar em primeiro. Chegando a frente de Button mesmo estando mais pesado e sendo mais rápido do que ele com qualquer tipo de pneu…. ultrapassagem no Kovalainen logo na largada. Não foi uma vitória plástica mas nesse dia o Barrichello teve um ritmo de corrida fortissímo.

  20. Danilo Candido disse:

    Alemanha/2000, Donington/1993 e Inglaterra/2003 são inbatíveis. Merecem menção honrosa Suzuka/2003 e Inglaterra/2008 (c/ aquele lixo ambulante chamado “Honda”)). No geral, fora os pódios, todas as vitórias do Barrichello foram obtidas com atuações marcantes.

  21. Fernando disse:

    É claro que alemanha 2000 é a mais linda de todas, mas acho que a maioria de suas vitórias foram muito legais. Mas no caso do Rubinho não foram só as vitórias que foram legais. Tivemos corridas lindas como Mônaco 1997 e França em 1999. Além dos Qualifies de Interlagos: 1996, 2003 e 2009.
    Além de muitas emoções esse cara mostrou ter muito caráter e muito coração.
    Valeu Rubens, Rumo a 350 GPs.

  22. Ricardo Hilgenberg disse:

    Para não repetir a memorável Alemanha 2000, digo Silverstone 2003!

  23. Edi Faria junior disse:

    OLha não me lembro o ano, talvez esqueçi de propósito de tão decepcionado, mas foi o GP brasil caía uma chuva gigantesca a pista parecia uma lagoa e o Rubinho voava baixo, nem aí pra chuva. Eis que a Ferrari deixa acabr o combustível do rubinho, pura sacanagem. Mas ele deu um show memorável.

  24. rodrigo disse:

    Impressão minha ou esse nariz do Rubinho inspirou a Red Bull?

  25. RAFAEL MORANDINI disse:

    PARA MIM UMA DAS MAIORES ATUAÇÕE DE BARRICHELLO NA F1 FOI EM DONINGTON PARK EM 1993. RUBINHO ERA ESTREANTE NA TEMPORADA E DEU UM SHOW LARGANDO DO FIM DO GRID E PULANDO RAPIDAMENTE PARA A QUARTA POSIÇÃO, LOGO ATRÁS DE SENNA, PROST E HILL ! NO MEIO DA CORRIDA CHEGOU A ANDAR EM SEGUNDO, E ABANDONOU NO FINAL DA CORRIDA POR UMA QUEBRA DE SUA JORDAN.

  26. FTrack disse:

    Em primeiríssimo lugar, Hockenheim 2000, pela corrida em si e pelo que representou para ele e todos os que acompanham F1. Depois, Silverstone 2003, talvez seu desempenho mais brilhante em corrida. Em seguida, Áustria 2002, poucos se lembram que antes da infame ordem de Jean Todt , Rubens tinha dominado todos os treinos, largado na pole e liderado a prova até 200 m antes da chegada. Além das já mencionadas, vale lembrar também de Hungaroring 1995, onde Rubens perdeu o 3° lugar no pódio na última curva; Melbourne 99, onde teria ganho com a Stewart se não tivesse largado do box por superaquecimento no grid e cumprido uma punição; Silverstone 2007, onde com aquele Honda inviável fez toda a corrida em ritmo de classificação e chegou em 9° lugar; treinos de Imola 2002, quando teve problemas com seu carro na classificação, e guiando o carro do alemão, com o acerto dele e freando com o pé esquerdo (fora de sua característica de usar o direito), ficou a menos de 1 décimo do tempo dele – alguma dúvida que os Ferrari do alemão eram mais rápidos?
    Parabéns Rubens, quem acompanha a F1 com serenidade e seriedade reconhece teu valor. Campeão sem título.

  27. Luiz disse:

    Donington, 93
    Todos falam do Senna, largada espetacular…
    Do Barrichello não foi diferente, passou até mais gente com carro inferior (apesar da chuva). Pena ter quebrado.
    Alemanha 2000.

    • Anderson disse:

      Sem dúvidas foi brilhante, só que não foi APESAR da chuva e sim POR CAUSA da chuva. Senão não tem como né…
      Mas realmente foi muito bem.

  28. Cláudia Zilda disse:

    Hockenheim em 2000!

    Rubinho é merecedor de todas as homenagens pelos 300 grandes prêmios e muito mais. Embora o Brasil não o reconheça. Uma pena!
    Valeu Rubinho!!

  29. Will disse:

    A grande corrida de Barrichello (sem pessoas invadindo a pista) foi a de Mônaco, em 1997, de Stewart.
    Saiu lá de trás e terminou em 2º, somente atrás de Schumacher e quase leva, pois o Schummy escorregou a 3 voltas para o final.
    Foram sensacionais as primeiras voltas, ultrapassando todo mundo com aquele carro que parecia promissor mas que nada havia feito em relação a pontos.
    E um carro branco, na chuva, em Mônaco, claro, na época remeteu àquela corrida de Senna de 84, que também terminou em 2º.

  30. Anderson disse:

    Alemanha 2000 foi sensaconal, outro dia revi a corrida toda no youtube. A única que chega perto é Donington 1993. Todos falam que Senna foi de qurto a primeiro na primeira volta, mas ninguem fala que Rubens foi de 12 para 4 na mesma primeira volta!!!

  31. Cauê disse:

    Com certeza Donington em 1993.

  32. Como a maioria, Hockenheim em 2000. A primeira do Barrichello e o desejum brasileiro. Me lembro que chorei como uma criança. Mas alem dessa, me lembro de uma quase vitória em Magno Cours, na França, ainda de Stewart, na chuva. Foi uma grande corrida, grandes ultrapassagens, mas o companheiro dele, Herbert acabou ficando com a vitória. Acho q foi assim mesmo.

  33. Thiago Gomes disse:

    Tirando Alemanha-2000, fico com Silverstone-2003, Donington-93, Magny-Cours-99 e Austria-2002 antes da ultima curva.

  34. Thomaz Ribeiro disse:

    Não nos esquecemos de Magny Cours (França) 99

  35. Filipe disse:

    Nao tem nem como discutir a vitoria na Alemanha em 2000!

    Mas a corrida de Valencia do ano pssado foi uma corridaça!!! Emocionante escutar o engenheiro falando: “McLaren fu!%$ up the pit, we need 5 qualifying laps! GO RUBENS!!! Putz! Fico ate arrepiado! heheheheh

    Parabens ao Rubinho por essa marca historica na F1!!!

  36. Peterson disse:

    Silverstone 03, Imola 03 e França 99 quando deu o X no Shumi. Revi no youtube o video e o narrador quando ele da o X no shumi fica pianinho.. hhehehe sensacional!

  37. Vinicius Medina disse:

    Hockeinhein 2000 disparado!!!

  38. alecs disse:

    Vitória em Silvertone 2003, corrida 99% , so não foi nota 10 pq na largada ele perdeu a pole e caiu pra terceiro.

  39. Rodrigo disse:

    Donington, 93, pena que nessa corrida o Senna destruiu, e as atenções foram todas pra ele.

  40. P.Lôbo disse:

    Magny Cours, 1997 – O primeiro Xis no Schumacher com uma Stewart (Ford) x Ferrari, sob mau tempo (acho que estava com mau tempo). O pódio ficara assim:

    1 – Johnny Hebert (Stewart – Ford)
    2 – M. Schumacher (Ferrari)
    3 – Barrichello (Stewart – For)

  41. Sandro disse:

    Hockenheim dois zero zero zero! ^-^
    Venceu largando em decimo-oitavo do grid!
    (Watson largou em vigesimo-segundo em Long Beach 1983!)

    Silverstone 2003 – e aquele padre maluco!

    Donington Park 1993 – terminaria em terceiro SE num tivesse ocorrido pane seca…

  42. Divani Felix disse:

    Sem dúvida nenhuma, a corrida mais emocionante foi Hockenheim em 2000.

  43. Pra mim, o GP do Brasil de 1999. Mas por uma razão pessoal: foi a primeira corrida de Fórmula 1 que cobri in loco. Ele estava na Stewart e teve um baita fim de semana. Classificou em terceiro no grid, à frente da Ferrari do Schumacher, e fazia uma baita corrida. Parecia que poderia vencer. Mas aí o motor Ford explodiu lá pela volta 40.

  44. Daniel disse:

    Me lembro bem do GP da França de 1999, pista seca, pista molhada… e o Barrichello conseguiu chegar em 2o lugar com um Stewart. Sem contar o “X” que deu no Schumacher na curva Adelaide.

    Suzuka 2003 também foi muito bem; venceu com autoridade e ainda quebrou um galho do alemão, já que Raikkonen chegou em 2o e assim o finlandes perdeu o titulo para Schumacher por 1 ponto!

  45. Marcelo disse:

    Tirando Hockenheim/00 as que mais mexeram comigo foram Silverstone/03, Interlagos/03, Interlagos/99. Teve várias outras e muitas delas ele não ganhou. Mas essas 4 foram AS corridas na minha opinião.

  46. André Luis Silva disse:

    Silverstone/2003, Imola/2003 (eu acho…); aquele drible no R. Schumacher foi espetacular. Até ele vibrou logo depois da manobra, dentro do cockpit, como se tivesse feito o maior gol da sua vida.

    • Marcelo Z. disse:

      Lembrou bem André, aquele drible no Ralf deixou o cara com dor no pescoço. Mas eu ainda prefiro Silverstone 2003, ele andava escorregando nas 4 e parecia que o carro dele tinha dois motores, hehe.

  47. Antonio Giovanelli disse:

    Amigos…Esqueci de acrescentar o não acima. (apesar de não ser campeão esta no rol dos melhores pilotos)

  48. Antonio Giovanelli disse:

    A melhor sem duvida foi Alemanha 00 não só pela vitória mas pela exepicional pilotagem…Largar em 18 fazer lindas ultrapassagens e encarar a adversidade da chuva com pneus pra pista seca sem duvida é pra poucos e sem falar em outras memoraveis corridas que os amigos internautas citaram. E Rubinho apesar de ser campeão esta no rol dos melhores pilotos!
    Senta a bota Rubens!!!

  49. Renan Garcez disse:

    Eu voto e Donington Park em 93, todo mundo enche a boca que o Senna ultrapassou 4 carros em uma volta, Rubens ultrapassou 10 carros! Largou em 14 e terminou a primeira volta em 4º! Só não lembro se ele chegou a liderar a prova, mais andou o tempo todo no pódium e terminaria lá se o carro não quebrasse

  50. Hugo disse:

    É fogo porque, tirando as óbvias ocasiões (como as vitórias em Valência/09 e Hockenheim/00), tem um monte de “quase”. Um quase que foi legal pra burro foi em Interlagos/99, quando ele se classificou em 3º lugar, tirando a posição do Schumacher. (ou foi 98?) [2]
    Vencer em casa sempre é especial…

  51. Kelton disse:

    Outra atuação memorável do Rubinho foi no GP da França de 99, quando ele ainda corrida pela Stewart.
    Ele fez a pole, liderou boa parte da corrida, segurou a pressão do Hakkinen e do Schumacher, e só não venceu porque o Frentzen fez uma estrágia de box diferente dos demais.

  52. morpet disse:

    Alemanha 00, claro, e Silverstone 03, um show!

  53. Flávio Chaves disse:

    A primeira vitória, Hockenheim 2.000!

  54. Sanzio disse:

    Eu fico com Silverstone, 2008. Terminou em terceiro (por muito pouco não terminou em segundo) com aquele lixo da Honda. Completamente inesperado, o cara deu show de pilotagem.

  55. Felipe Mazorca disse:

    A temporada de 1999 com a Stewart como um todo foi muito boa, a que eu mais gostei dele. Mas a prova do Brasil, onde ele liderou o 1º terço ,e a da França, com muita chuva, na qual ele liderou 2/3 da corrida, foram algumas das melhores que vi ele fazer.

  56. Fernando C disse:

    Eu vou com a corrida de Doniton Park (não sei escrever o nome certo), quando ele na primeira volta estava em quarto lugar saindo décimo segundo, debaixo de uma chuva forte.
    Em 2000 e 2003 também foram legais, mas essa de 1993 é a melhor na minha opnião!

    • Ricardo disse:

      Fernando…tô contigo nessa…Lembrando que a performance do Rubinho nessa primeira volta foi melhor que a do Senna, que fez a primeira volta mais alucinante da F1 nessa corrida. Largando de 4º e cruzando a linha em primeiro, batendo Alan Prost.

  57. Lauro disse:

    Monaco 97? Segundo lugar c/ a Stewart. Únicos pontos do ano e uma das 3 corridas que terminou.

  58. Givaldo Moreira disse:

    Áustria-2002. Hoje não! Hoje não! Hoje sim…

    • Eduardo Miler disse:

      Toda vez que o Regi faz um comentário a respeito do Rubinho, lembro dessa prova….
      “Hoje não, hoje não….Hoje sim….”
      Chorei pra car…depois dessa….
      Abs

  59. rubinho tá meio zidane nessa foto.

  60. ba disse:

    É fogo porque, tirando as óbvias ocasiões (como as vitórias em Valência/09 e Hockenheim/00), tem um monte de “quase”. Um quase que foi legal pra burro foi em Interlagos/99, quando ele se classificou em 3º lugar, tirando a posição do Schumacher. (ou foi 98?)

  61. Bruno A. disse:

    Eu gostei de Spa 2009, não pelo resultado, mas pela corrida em si.
    Problemas na largada, depois uma bela recuperação, e nas últimas voltas ele começa a soltar muita fumaça. quando entrou nos boxes o carro pegou fogo.

  62. Rodolfo Amoroso Borges disse:

    Não podemos nos esquecer de Silverstone-2003 também.

    Abraços

  63. Pablo Parucci disse:

    Uma corrida sensacional do Barrichello foi em Silverstone-2003, fez a pole, caiu pra terceiro e depois ganhou.

  64. Wellington Lucas disse:

    A corrida mais memorável dele foi em Hockenheim em 2000 e Silverstone 2003, duas corridas fantásticas.

  65. A. ROQUE disse:

    Se a Alemanha for Hour Councour, eu ficaria com o segundo lugar em Mônaco em 1997 e das que ele quebrou, Doninghton, 1993…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>