MENU

19 de julho de 2012 - 11:24Automobilismo brasileiro, Drops

Drops do esporte

SÃO PAULO | Vamos aos drops do esporte de hoje, para tirar a teia:

_ Depois da vistoria que desclassificou três dos quatro carros da equipe de Andreas Mattheis do grid de largada em Jacarepaguá, a JL levou para sua fábrica os mesmos veículos conduzidos por Cacá Bueno, Daniel Serra e Valdeno Brito. Ontem à tarde, a esposa de Cacá comemorava nas redes sociais a aprovação total das peças do carro do piloto, bem como o chefe da equipe.

_ Além dos carros de Mattheis, os chassis dos três primeiros da corrida — Allam Khodair, Thiago Camilo e Ricardo Maurício — e o de Pedro Boesel foram vistoriados pela empresa fabricante.

_ Estastoscas do GP da Alemanha em Hockenheim, considerando a nova configuração da pista — desde 2002: 29% das corridas tiveram presença do safety-car; usa-se o acelerador totalmente em 71% da pista; são em média 46 trocas de marcha por volta; o pole ganhou quatro vezes; nunca quem largou além de terceiro venceu.

_ O Globo veio hoje com uma explosiva revelação: a área em que dizem construir o novo autódromo do Rio em Deodoro é um antigo campo minado. Mas sabe quando vai sair essa pista, né? O modo como se conduz o automobilismo aqui é das coisas mais lamentáveis da história. Gentes que estão aí sem absolutamente entender do esporte e mamando nas tetas há longos anos. Os pilotos criaram uma associação depois da morte de Gustavo Sondermann para discutir melhorias de segurança e tal, e hoje está tudo parado. Ou eles também se movem para tomar conta do negócio, nem que seja numa espécie de liga, ou daqui um tempo vão procurar o que fazer da vida. Quem tá aí pra cuidar não tá nem aí.

6 comentários

  1. Eduardo Borges disse:

    Eh, os pilotos choroes da Stock (que estavam torcendo para o Caca, Daniel e Valdeno nao correrem no Rio) vao ter que continuar aguentando eles vencerem corridas.
    Podem continuar esperniando, maus perdedores.. tratem de acelerar e parem de chorar!!!

    • Aline Mattheis disse:

      A Equipe A.Mattheis se dedica 100% para se superar a cada dia.
      Realizar corretamente o trabalho, focar no Bem …
      O Melhor vem acontecendo por merecimento.
      Deus é Supremo!
      Nada fica encoberto…

  2. highdownforce disse:

    Victor,

    Quem é do Rio sempre soube que este terreno possui artefatos explosivos e morteiros, sendo este um dos motivos pelo qual este aidna não foi invadido de forma mais agressiva e o exército estar entregando de mão beijada.

    Não sei dizer a quanto tempo não são mais realizados exercícios (se é que deixaram de ser realizados) com explosivos ou munição real neste local, porém a nota d’O Globo diz que o local foi desativado a poucas semanas apenas.

    Vale lembrar que foi neste mesmo local que um aluno da escola de sargentos morreu devido a uma explosão não esclarecida no dia 21 de Junho deste ano.

    A quem interessar o link da notícia: http://oglobo.globo.com/rio/terreno-escolhido-para-novo-autodromo-era-campo-de-instrucao-ate-com-minas-5518300

  3. André Almeida disse:

    Se eu tivesse poder real, e tivesse condições de mudar essa bagaça que é a CBA, eu mudaria muita coisa.

    O esporte precisa voltar a ter eventos fixos. A CBA deveria fomentar patrocínios fortes para as categorias de base.

    O marketing do esporte deveria ser fortalecido da mesma maneira. Os carros de F1 que fazem eventos em partes do mundo que não tem uma corrida oficial não vão lá à toa.

    Enfim, daria para fazer muita coisa para promover o esporte na base, para revelar novos talentos, e também fazer com que o esporte seja praticado de uma forma usual.

    Mas pena que eu não tô lá. Olha aí, CBA! Me contrata!

  4. Peter disse:

    os carros vistoriados foram dos 3 primeiros (#18;21e90) e os RB (#0 e 29) e os shell (#7 e 77)

  5. Rafael Dias disse:

    Campo Minado, É campo Minado
    Saca aonde pisa meu chapa
    Desdobra esse lance Da uma pernada
    Pra lá do Arame farpado

    E dá-lhe Alemão Ronaldo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>