MENU

3 de novembro de 2012 - 20:42F1

Terra dos emires, 2

RIO DE JANEIRO | Ah, Red Bull, que bacana você, toda prestativa e atenciosa com o campeonato. Errar na gasolina é meio que primário. Ainda mais com o cara que tá para ganhar mais um título. Deveria ter sete revisores de quantidade de combustível. E mesmo sem estar na primeira fila, a posição de Vettel bem à frente de Alonso traria um conforto grande para o alemão nas duas provas finais.

Agora Vettel larga em último. É certo que vai ser a atração da prova. Com duas voltas, se livra dos seis carros da misericórdia. Depois passa as Toro Rosso sem muito problema. Aí começa a pegar um pelotão chato, que tem Mito em seu início — ele, que está no fim; coitado —, Schumacher, a outra Sauber, de Pérez, e as Force India. É uma performance que vai se basear também na estratégia ou na torcida por um safety-car — que dificilmente deve acontecer.

Hamilton e a McLaren voltaram a ser aquele conjunto que começou dominando a temporada e que voltou à ponta no meio da mesma. É até uma surpresa vê-los na pole com tamanha facilidade diante do domínio que Vettel vinha aplicando. Webber sai ao lado. Depois, Maldonado e Raikkonen numa segunda fila interessante. Quatro carros diferentes nestas posições frontais. Kimi disse que dá pra andar no ritmo da Red Bull. É, o negócio deve ser bom, mesmo, mas Lewis claramente tem uma vantagem aí.

Alonso subiu para o sexto lugar com a desclassificação de seu maior rival. Se assim terminar, são oito pontinhos só, e aí Vettel ainda ficaria em vantagem. Mas como Alonso consegue sempre mais — e tem Maldonado ali na frente —, é possível imaginar que termine em terceiro ou quarto. Aí a coisa lhe apetece.

Massa larga ali em oitavo e aí, sim, vai ter um grande papel: o de escudo quando e se Vettel aparecer em seu retrovisor. Que barre o avanço do taurino e represente algo na vida de Alonso, propriamente. Felipe vai ter a grande chance de mostrar a Ferrari do que é capaz sem ter a desculpa da renovação do contrato.

Quanto a Senna… bem, é chover no molhado, ainda que em Abu Dhabi chover é raro.

3 comentários

  1. roxxon valdez disse:

    deixa dessa onda de koba mito, ele tá nas bicas de virar arquivo morto na f-1. o negócio agora é o GROJA mito…hheeheh…o perigo ambulante.

  2. Pedro Paulo disse:

    kkkkkkkkk, pelotão da misericórdia kkkkkkkk

  3. Leonardo disse:

    Como que o Massa pode segurar o Vettlel com essa asa móvel? não tem como.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>