MENU

18 de julho de 2013 - 10:53F1, Revista Warm Up

A reforma do século

SÃO PAULO | É assim que está sendo tratado o projeto de remodelização e transformação pelo qual Interlagos vai passar para acomodar a F1 num futuro próximo. O autódromo paulistano vai entrar em obras para receber uma nova estrutura de boxes e comodidade para equipes, pilotos, imprensa e demais profissionais atuantes no GP do Brasil. E todos os detalhes estão lá na Revista Warm Up 40.

É um material vasto que traz perspectivas, plantas, comparações e análises de especialistas, guardado e trabalho desde que o projeto ficou pronto e saiu em Diário Oficial, fuçado por toda a equipe da gloriosa revista, que agora conta com o comando de Felipe Giacomelli (sim). Assinam a reportagem Renan do Couto, Evelyn Guimarães e Juliana Tesser.

Tem também entrevista com Felipe Nasr no último trabalho feito pelo glutão Fernando Silva, tem Jacques Villeneuve ‘in loco’, tem Jann Mardenborough, piloto desenvolvido em videogame (é…), e tem uma outra grandiosa reportagem sobre a Catalunha e o automobilismo, trazendo um viés político e comportamental de sua inserção na Espanha. Notem lá como os catalães predominam no esporte a motor, mas vejam o que pensam a respeito de uma independência, nas linhas que começaram a ser rabiscadas no Anhembi com a cobertura da Indy. E tem seção do Hugo Becker, o especialista na categoria.

Particularmente, ponho a edição no rol das cinco melhores que a Warm Up trouxe desde seu nascimento. As artes lindonas ficam a cargo de Bruno Mantovani, Rodrigo Berton e Ivan Capelli. Desfrutem que tá na rede.

10 comentários

  1. Wallace disse:

    Enquanto isso…. Em Gotham City :

    O gordo diz que é melhor fazer estadios e copas do que hospitais e escolas….. povo idiota merece ouvir isso, e não toma vergonha e enche os jogos.
    Agora vem outro que se acha….. e diz que gastar os tubos nisso ai é importante….. Enquanto isso…. ficam sem saúde, transporte, segurança e educação…. E eles fingem que sabem gerenciar o dinheiro público e distribuem propinas pra todo lado. Um lugar ou um País é belo se o povo também o for, caso contrário é isso que vemos aqui. Faz de conta que tem justiça, saúde, escolas, segurança e o mais interessante é fazer de conta que tem governo. E o povo pensa que é esperto……. É isso.

  2. Acho que a obra em Interlagos é sim muito bem vinda para o esporte automotor, pois como já sabemos a atual área do paddock e dos boxes já são pequenas para o nível que um autódromo exige para os atuais campeonatos como: F1, Stock Car, GT3, F. Truck entre outros… Porém gostaria da reclamar alguns pontos. Primeiro para quem fala tanto em dinheiro de copa, saiba que o Autódromo foi inaugurado dez anos antes do próprio Maracanã, contudo existem muito mais história que o futebol. Se o Maracanã é o templo do futebol, Interlagos é um dos templos do esporte automotor mundial! Agora referente a pista espero que com a mudança do ponto de largada também sejam feitas arquibancadas decentes para o publico que paga caro para estar lá para um fim de semana. Sei que na F1 tudo é caro, mas como a própria F1 reconhece, o verdadeiro dinheiro não vem das arquibancadas, mas sim dos patrocinadores e televisão. Então reavaliem o preço para que o autódromo fique cada vez mais cheio e mais bonito. Outro ponto é a entrada bos boxes. Não acho bem elaborada essa entrada, até porque fica no meio da curva do S. Acredito que seria muito complicado para o piloto vindo de alta velocidade na reta tendo que faze-la até em menor velocidade para tangenciar melhor para entrada dos boxes. Acredito que deveria ser na verdade na saida do S, onde poderia ter até um recuo para entrada dos boxes, onde até seria mais rápido que mostrado pelo desenho da planta. Por último, mas não menos importante é o antigo traçado de Interlagos. Acho que deveriam dar valor e recuperar o antigo traçado, pois para quem gosta desse esporte não tem nada mais valioso que um circuito lindo e com traçado majestoso como o de Interlagos, onde poderia facilmente adequar aos campeonatos de Endurance. (Fica a dica!).

  3. cristian disse:

    vai vir pra penha-sc no beto carreiro world!!

  4. Tiago Oliveira disse:

    Nao acho seguro essa entrada dos boxes. Na foto acima mostra ela bem no fim da atual reta, o que forcara o piloto a uma freada forte já entre os guardrails e perder muito tempo contornano a atual saida dos boxes. Se ela for no meio do atual S, pior ainda, ali sempre sobra Nelsinhos e Ralf Schmuachers na primeira volta e nesse caso seria bandeira vermelha. Na planta acima metade do tracado é entre entrar e sair dos boxes. A primeira curva TEM que ser o S do senna, isso sempre embaralha a largada e deixa os GPs mais interessantes. E a curva do Café, nada acontecerá depois de tantos acidentes?? Essa reforma nao está olhando o suficiente pro tracado que precisa se modernizar nesse trecho. Quem estiver na atual arquibancada só verá um trecho do circuito. A reforma tem que ser paga pelos que realmente ganham com o evento (Seja a associacao hoteleira de SP, a globo, a FIA, mas nao a prefeitura ou o governo federal). Serios riscos de virar uma Silverstone 2 com dois paddocks sendo um só usado 3 vezes por ano. a reforma deveria incluir uma arquibancada descente entre o kartodromo e a atual reta oposta (vai se chamar reta do Barrichello?) e uma reforma do atual boxes. A torre de controle está hoje no unico lugar que se pode ver quase todo o tracado, lá embaixo só vai ver metade da pista a nao ser que tenha 50m de altura. Vao fazer alguma estrutura pros eventos estupidos que recebe alem do automobilismo (padre marcelo, shows, etc) pra que sejam feitos corretamente ou vao finalmente inutilizar que esse tipo de idéia de jerico aconteca? Mais uma vez falta pensar em solucoes integradas inteligentes e simples desde o comeco.

  5. Victor disse:

    Já não basta os bilhões gastos na Copa ainda vou ter que pagar pela reforma dessa porcaria?

  6. Boca disse:

    Vitonez, não seria DEsfrutar ao invés de Disfrutar?

    Abraço!

  7. Paulo Galvão disse:

    No projeto não se fala nada sobre uma melhoria no Setor G? Já pensou a largada na reta oposta e arquibancadas de tubulação? Vai ser 100% lindwo!

    Só complementando, deveria aumentar o traçado. Ou aumentando a reta oposta, contornando a lagoa, ou aproveitando algum trecho da pista antiga.

    • FTrack disse:

      Aumentar o traçado como?
      Aproveitar algum trecho da pista antiga como?
      Depois que virou senso comum que curva de alta sem área de escape quilométrica é mortal, acabaram-se as chances de aproveitar as velhas 1, 2, retão, 3 e 4, ou seja, morreu o que sobrou do traçado antigo.
      E outra: por mais forte que seja o lobby econômico de SP, se tio Bernie decidir que a F1 no Brasil será em Penha-SC, esquece Interlagos, com reforma e tudo

      • hausensson disse:

        Não precisa usar o anel externo para F1. Outra: pra que existem áreas de escape asfaltadas, softwall? Pra turismo e outras categorias de menor velocidade , dá pra correr perfeitamente. (senão não corriam em Le Mans ou Nuburgring). A ideia boa seria ter múltiplas opções de pista, pensando no nosso automobilismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>