MENU

14 de dezembro de 2013 - 17:22F1

Garoto-propaganda

SÃO PAULO | A esperança de Nasr conseguir os milhões que ajudem a garantir uma vaga na Sauber no ano que vem passa por uma outra instituição governamental além do Banco do Brasil. O piloto esteve na última quinta-feita na sede da Embratur — Instituto Brasileiro de Turismo — em Brasília.

Nasr negocia um apoio que lhe transforme em representante oficial do País nas pistas, ou seja, um garoto-propaganda, com um aporte que complete o valor da segunda vaga da equipe — avaliada em 10 milhões de merkels; Nasr dispõe de 7 milhões do BB.

Não estará errado, se tudo consumado, tocar a vinheta do ‘Brasil-sil-sil’ quando Nasr aparecer na TV, num momento que faria Brasilino Pacheco encher os olhos de lágrimas. OK, segue.

A parceria está em fase de estudos, mas dificilmente não será consumada. A Embratur tem feito uma série de ações para impulsionar o turismo nestas terras, valendo-se de atletas e eventos esportivos. 2014 tem Copa do Mundo, 2016 tem Olimpíadas, e, sacumé, a F1 é uma baita vitrine promocional. Um carro com um ‘Brasil’ em verde e amarelo, no estilo do que já vimos com ‘Visit Malaysia’, por exemplo. Hum.

Pelo jeito, Felipe encontrou a porta que precisava.

41 comentários

  1. Renato F1 disse:

    Instituto Brasileiro de Turismo – Embratur, é sacanagem, não é? Quando é que mudaram o nome? Tinha que se chamar Inbratur!

    Cresci consultando a EMpresa BRAsileira de TURismo – EMBRATUR – e aí vem um mané e muda o nome!

    Isso aqui, Ôô, é um pouquinho de Brasil, iaiá!

    Em relação ao patrocínio, depende: se o lucro do Banco do Brasil, da Embratur, dos Correios, da Petrobrás e de mais quem quiser aumentar e pagar o patrocínio investido, tudo bem!

  2. Eisio disse:

    Nasr tem talento para correr no WEC; de GT. Digo isso, caro Renato S, baseado no desempenho dele na GP2 ano passado: piloto medíocre que conduz o carro com regularidade,mas não tem o dom da ultrapassagem e não obteve nenhuma vitória, pilotando para uma das equipes top do grid. Dou uma chance pro cara mas pela lógica espero expectativas frustradas, justificativas ilógicas em entrevistas exclusivas na Globo e torcida irracional de Galvão Bueno. Mas boa conversa e dinheiro não é tudo e espero vê-lo correndo no WEC de GT com o patrocínio do BB, EMbratur, Correios, ANAC e Bôlsa Família…

    • luiz alberto disse:

      Só mesmo de GT,e não na categoria Pró e muito menos na P1/2,pois la também não tem bobo,a maioria são pilotos experientes e bem adaptados a categoria.E também não concordo que empresas estatais venham a patrocinar play bois que cismam que são grandes pilotos mas não tem grandes resultados.
      Chega de gastar dinheiro para ter somente participantes de competições,se for para gastar o rico dinheirinho do contribuinte que seja com alguém que realmente possa ser mais que um segundo piloto em top time como já estamos fartos a mais de 20 anos,se quer correr só para sê divertir(como o primeiro sobrinho e Babacarrichello costumam falar)que seja com o seu próprio dinheirinho ou o do papai.o dinheiro do contribuinte deveria ser para coisas mais importantes como saúde,educação e segurança.

    • RenatoS. disse:

      Cara, primeiro, relaxa. Vc está muito tenso. Segundo, tb acompanhei a GP2 e sinceramente, não vi essa mediocridade que diz. Vi ótimas atuações, outras não tão boas é verdade, mas, percebi que tem regularidade e sabe conservar os pneus.

      Talvez, falte a ele um pouco mais de velocidade nas classificações (ou não), mas, por outro lado, tem tendência a crescer durante a prova. O que é bom.

      Já as ultrapassagens, sugiro rever as corridas. Creio que vc deixou de ver as provas todas em algum momento, pois o piloto é forte neste quesito.

      No mais, acho que não estamos tratando de um gênio, mas, devemos dar tempo ao piloto para que ele possa mostrar a mim ou a vc quem está errado.

  3. SAMUCON disse:

    Nada contra o Nars… mas depois ainda criticam o Maldonado com a Estatal da Venezuela. Engraçado. Tanto se criticam os governantes, mas pra fazer festa com carnaval, arrumar autódromo, construir estádio, patrocinar netinho pra correr nos E.U.A., fazer filme e o car*alho a 4 aí pode. Cadê a iniciativa privada para assumir o risco? 20 milhões de euros em esportes olímpicos (destinados e empregados) há uns 06 anos atrás, fariam o país passar menos vergonha para a próxima olimpíada…. essas coisas revoltam….

  4. 19CM disse:

    Vai ser o novo piloto do pais..
    Claro que F1, ele não tem jeito, fala muito..tá de sapato de salto..O que vejo são jujubas falando só mierdas..
    O cara pra sentar na F1, tem que ter mostrado talento..Vamos lá jujubas…quem foi o último talento…Vindo da fraca GP2..Um certo Hamilton…Vamos jujubas, querem que o AMASSA BARRO, SEJA UM NOVO PILOTO SENTADO NA CARROÇA WILLIANS..OU ESSE NASRCHARUTO, QUE NÃO ANDA PORRA NENHUMA..ATÉ O RAIZA…rss..anda mais do esse garoto propaganda..
    Em tempo;,,ESSE É UM NOVO RAUL BOESEL,QUE SÓ TINHA AMIGOS NO GOVERNO..PIFPAF..

  5. Eduardo Schmidt disse:

    Tomara mesmo, porém penso que ele precisa realmente buscar um desempenho mais satisfatório como foi o da F-3 Inglesa mais precisamente.

  6. Vibora da noite disse:

    Estamos precisando investir mais em propaganda pro pais mesmo, os investimentos em Copa do Mundo e Olimpiadas nao sao suficientes. Precisamos dar mais 10 milhoes pro menino correr de F1. Uma vergonha. Brasil é um pais de botocudos, o Chato continua mais atual do que nunca.

  7. Marcell disse:

    Desde quando a Sauber disputa posições no fim do grid???

  8. Bruno disse:

    E a tal da fusão, Victor?? alguma novidade?
    Estou torcendo para que esta porcaria não aconteça..

  9. mario disse:

    espero que role o dinheiro.

  10. eduardo urashima disse:

    Que o BB ponha dinheiro no projeto, ok. BB é uma empresa que disputa mercado com outros players que também estão na F1 (itaú com a globo e santander com a ferrari), mas a Embratur?! Aí não! O poder público já coloca dinheiro na F1 através do GP Brasil, que é uma propaganda muito melhor e com o custo beneficio muito, mas muito melhor. Estamos falando de GP de F1 numa ponta, e na outra, patrocinar uma equipe de meio de pelotão, equipe que não terá nenhum grande destaque. Há formas muito mais interessantes de fazer propaganda pra gringo visitar estas terras, ainda mais no ano em que sediaremos a Copa do Mundo de Futebol.

  11. Zé Maria disse:

    Em um espaço democrático, todas as opiniões são válidas, desde que plausíveis, ok!
    Tem que goste e quem não goste do Nasr, qual o problema?
    Eu por exemplo, não gosto e ponto final!
    Suas 2 últimas temporadas, 2013 principalmente, foram de amargar!
    Prá mim, se chegar de fato à F1, só vai ser mais um Antônio Pizzonia da vida, que depois de causar nas categorias de acesso, não fez absolutamente nada!

    • Wagner Campos disse:

      Todos aqui, em tese, torcem pro Brasil, mas muitos tem essa postura de já começar execrando pilotos que mal conhecem. Em 2012 o Nasr tava estreando na GP2 e sua equipe estava trabalhando pro Valsechi, embora ele tenha tido alguns bons momentos. A temporada de 2013 só ficou ruim na parte final, se é que vc a acompanhou mesmo. A primeira metade foi ótima, a segunda nem tanto, mas por erros estratégicos principalmente. Faltaram vitórias sim, mas ele se mostrou um dos melhores e mais completos daquela turma, inclusive com a grande vantagem de saber administrar os pneus, ponto fundamental pra quem quer estar na F1.

      Só espero que se o cara der certo não venham aqui dizer que torcem por ele, queridas “mães Dinah”.

      • Zé Maria disse:

        “O tempo é o senhor da razão”
        “Quem viver, verá”

        Prá mim, com essa pinta de garoto propaganda, tá mais prá contracenar com o Vin Diesel na franquia “Velozes e Furiosos”, em substituição ao Paul Walker! ;)

        Finalizando, se tivesse se destacado mesmo, será que precisaria estar mexendo os pauzinhos ($$$$$$) para se colocar em alguma equipe ou já estaria garantido por conta do demonstrado na pista?
        Simples assim. . .

  12. Elisio disse:

    Nasr tem talento para correr no WEC; de GT.

    • RenatoS. disse:

      Você diz isso baseado em quê, se nunca o vimos correr na F1. Dá uma chance pro cara Elisio.

      • AGS disse:

        Renato..O Elisio é como todos nós..bairristas..
        Esse mané, não fez porrinha nenhuma quando corria de kart aqui em Bsb….Levou chapeu do Sandro ferrari, que levava chapeu de mim…tá certo..que eu não ando há anos..anos..anos..
        Mas, esse apadrinahdo dos malas dos Nars, não passa de um felipino amassa barro , com din,din..vai..shoveet..

        • Francisco M disse:

          Dor de cotovelo…

        • RenatoS. disse:

          AGS…então vcs devem ser excelentes, porque pelo pouco que sei ele faturou ao menos um campeonato de kart em cada ano que correu na modalidade. Chegando ao penta no brasiliense, ao bi na Copa do Brasil e ao topo no Campeonato Brasileiro em 2006.

          Não vou ficar aqui enchendo a bola de gente que nem conheço, mas, acho que deveríamos ao menos esperar o cara fazer as primeiras corridas.

        • Lucas disse:

          Ai Ai Ai que dor no meu cotovelinho kkkk

        • Dyego disse:

          Vc é frustrado hein, amigão?
          E tu?? Depois que deu chapeu em td mundo em Bsb, pq nao foi na europa Ganhar a F-BMW, F3-inglesa?!
          Talvez se tu fosse tão bom assim seguiria no meio com algum apoio.
          Sorte ele teve, sim, de ser apadrinhado por pessoas influentes e competentes no automobilismo.
          E tu, toma aí um Dorflex e ver se melhora essa tua dor de cotovelo.

          • AGS disse:

            diego bi ba bo…não tenho inveja não fy..só não tinha jeito e tempo pra ser piloto..mas enfiava tempo nos guris…e olha..que meu motor nem SR Mario dono da MINI.queira fazer..era braço..e eu gostava…sim..fui pupilo de um tal Chaverinho..pergunta quem é o chaverinho..depois vce fala aguma..coisa..

          • Amoura disse:

            O Sandro Ferrari tem mais de 40, como ele pode ter ganho se o Nasr tem 22 e nunca andou com ele??? Cala a boca galvão!!!! Sonhou foi??? Chupa hahaha

  13. RenatoS. disse:

    Pelo visto, dinheiro não é tudo. Do contrário, já teriam fechado com Van de Garde.

  14. Daniel Ramos disse:

    Opa Victor Martins, tudo bem? Acredito que o Grande Prêmio ou você por meio deste Blog, poderiam fazer uma reportagem dando informações sobre os Pilotos Brasileiros atualmente, que possuem chance de um futuro na F1 ou em outras categorias internacionais, trazendo os nomes deles, idade e onde estão correndo atualmente. Pois alguns sumiram do mapa, como o Razia ou Di Grassi, bem como os que já passaram pela a F1, como o Piquet e B. Senna, e por ai vai. Fica a ideia ai, abraço!
    E espero que o Nasr consiga alcançar a F1.

  15. Douglas Borges disse:

    Me lembrou o “Visite Tocantins” no carro do Fraga no BR de Turismo

  16. Victor disse:

    Dinheiro público financiando o individual. Ê Brasil.

  17. Thiago disse:

    Não concordo. Na minha opinião, futebol o esportes não olímpicos não merecem dinheiro público. Ainda mais pra correr no final do grid.

  18. Maxwell disse:

    Espero que sim. Pena que outros pilotos não tem a mesma sorte, vide o Razia.

    Aliás, cadê o Razia?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>