MENU

15 de março de 2014 - 5:37F1

O legado Melbourne


SÃO PAULO | A chuva é sempre uma aliada de quem quer mais emoção na F1, ainda que tenha impedido de ver qual é a real dos carros desta nova/outra categoria em 2014. Uma coisa é mais do que certa: a Mercedes é a melhor de todas com alguma tranquilidade. Não quer dizer, no entanto, que na classificação de hoje tenha exercido tal domínio. O povo queria Ricciardo na pole, como ele se sentiu por alguns segundos diante de seu público, que urrou nas arquibancadas de Melbourne. Mas Hamilton é PhD em tirar o doce alheio e acabar com a graça.

E olha que Lewis não tinha lá o comando das ações do treino. Era Rosberg quem vinha brilhando – até terminar em terceiro. É ele quem vai disputar com o companheiro a vitória. São estilos diferentes, como se sabe: Hamilton é mais atirado e exuberante, sem se preocupar muito com as consequências – gasto excessivo de pneus e combustível.

Trata-se da 100ª pole da Mercedes, que tende a iniciar um reinado na F1 enquanto a Red Bull não se ajusta totalmente. Aliás, a recuperação dos rubro-taurinos – leia-se Renault – é de cair o queixo. Foram apenas duas semanas para achar os grandes defeitos e empacotar tudo rumo a Austrália. E o carro não é mal nascido, como chegaram a sugerir diante do caos vivido na pré-temporada. Mas Ricciardo só terá alguma chance amanhã se, e somente se, voltar a chover. O mesmo acontece com Vettel, que terá uma duríssima missão na corrida partindo em um incômodo 12º.

Ricciardo sempre esteve muito bem ao longo do fim de semana. Andou entre quarto e sexto e, quando a chuva veio, permitiu-se um salto maior. Forçou a Mercedes a andar decentemente e deixar de lado a lambuja que parecia exibir no seco Q3 usando pneus mais duros, enquanto a rapa já partia com os amarelos macios. Correndo em casa, briga por um lugar no pódio com Magnussen, ótimo também ali em quarto – como Riccardinho com seu companheiro de maior glória, desbancou o lorde Button, que mal foi ao Q3.

Alonso é quinto e extraiu da teta da pedra mais do que leite. É o único motor Ferrari dentre os dez primeiros. O parceiro Räikkönen, que ainda não contou as razões de sua ida a Austrália, larga em 11º beneficiado com a punição aplicada a Bottas pela troca de câmbio de seu carro. O espanhol tem lá sua chance de lutar com Ricciardo e Magnussen, sim. Uma briga interessante entre os três motores da F1.

A tendência apontaria um pódio formato dentre estes cinco. Mas estes carros, né, parecem aquele branco que traiu Solomon/Platt ao delatar a tentativa de entrega de sua carta à sua família em ’12 Anos de Escravidão’: não são confiáveis. É nisso que o resto de garbo e elegância — Massa, Button, Räikkönen e Vettel — têm de se apoiar.

Logo mais, volto pra falar do resto.

11 comentários

  1. Francisco M disse:

    VM, impressão minha, ou quando o Vettel não vai bem o pessoal do GP fica mau humor? Não há quase nada no site, até o chefão sumiu. A Autoracing atualizou muito mais. Se fosse Vettel em segundo, seria o gênio que resgatou a rbr do limbo, mas Vettel foi mal. Quem sabe amanhã ele pontua aí teremos mais matérias?

    • Victor disse:

      VM responde: Cara, ainda vou te dar mais uma chance de escrever comentários pertinentes aqui. O que você escreve não contribui para qualquer debate, até porque nem tem essa finalidade – sim, perdi meu tempo pra fazer uma busca sobre todos eles. Se tiver a fim, continua numa boa e segue a vida numa boa; se continuar nessa toadinha de “ai, você, seu chefe e a putaquepariu não escrevem isso porque tão de mau humor”, outras muitas coisas que você insinua e “tem impressão” e vir com esse deboche e ironia de recalcado sem louça pra lavar, você vai ter muitos motivos pra destilar seu estilinho de comentário – só que em outro lugar. Entendido?

  2. RenatoS. disse:

    “Parpite” de pódio. Só os cabeça:

    1º. Rosberg
    2º Alonso
    3º Hulkenberg

  3. Sanzio disse:

    Eu lembro que, no ano passado, o Ricciardo comentou sobre o domínio de Vettel no Twitter e disse qualquer coisa como “calma, tô chegando!”. Procurei quenem louco mas não encontrei…
    É… O moleque não tava brincando, não! :-D

  4. Rodrigo Monassa disse:

    fiquei surpreso pq tu nao comentaste koba-mito passando pro Q2 com a “Catarram”..

  5. alberto disse:

    Acho que você quis dizer “no seco Q1″ ali no quarto parágrafo. Minha única previsão para a corrida será Alonso no pódio.

  6. Francisco M disse:

    O que aconteceu com o Vettel? O às da chuva? Melhor piloto da história? Levou tempo em 3 dos dóis practice e ficou a uma luneta do companheiro de equipe. Será que Vettel é tão bom ou Webber era muito ruim?

  7. AGS disse:

    Resultado:
    1º………Hamilton.
    2º………Alonso.
    3º;;;;;;;;;Rosberg
    4º……..Vettel
    5ª……..Ricciardo;
    6º……..Button.
    7º……..Kimi.
    8º……..Magnussen;
    9º……..Bottas.
    10º…….Kobayashi.
    11º…….Grojean.
    12º…….Maldonado.
    13º…….Linguinha Plessa…..E o Babão Bueno, vai fazer mandinga esse ano, para que o Massa de tapioca, fique entre os que menos chora..kkkkkkk

  8. Anderson Pereira disse:

    Se chover amanhã, apostaria minhas fichas no Rosberg.
    Como o proprio Hamilton declarou, “É o carro mais difícil que já pilotei no molhado”, então chances de erro por parte de Hamilton durante a corrida é possivel.
    E caso chova no domingo, Alonso terá dificuldades pra se manter nas primeiras posições.
    Ao contrario de anos anteriores, Alonso parece sofrer com esse carro da Ferrari em pista molhada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>