MENU

3 de julho de 2014 - 11:17F1

Fadada ao insucesso

SÃO PAULO | De volta à realidade, triste, é verdade, mas bora que tem muita coisa para se falar. Mas que coisa, Caterham vendida, assim, num estalar de dedos. Tony Fernandes, que já não aparecia mais nos boxes, nunca mais vai ser visto; Cyril Abiteboul, que vinha tocando a equipe, já deve ter entregado sua credencial para a FOM e vai voltar à Renault Sport. A Caterham, do jeito que era, já era.

Bem, a notícia em si é muito curiosa: foi vendida para um grupo de investidores da Suíça e do Oriente Médio. Base helvética, confesso, não me vem nada à cabeça numa relação rápida, mas lá do mundo árabe… que tal pensar em Mansoor Ijaz? Depois do fracasso das negociações com a Lotus — que não recebeu o dinheiro prometido —, é sabido que Ijaz foi lá ciscar na McLaren, que teve em seu xará Ojjeh grande parte das ações.

Lembram-se de Ijaz? Aqui, ó. Por enquanto, ressalto, não há informação concreta das caras deste negócio, mas pela insistência em entrar na F1…

Daí citam lá que Christijan Albers será o chefe de equipe. Há uns dois dias, conversava com Gabriel Curty em Natal a respeito da F-E e do quanto este campeonato deve ser interessante e vai pegar. Também mencionamos alguns nomes ex-F1 que poderiam aparecer. Albers foi um deles. Puxa vida. Creio que, se Albers pegar mão do carro, dá um jeito de andar no ritmo de Ericsson em duas corridas.

O chefe do negócio todo é Colin Kolles. Kolles de HRT, Midland/Spyker — onde foi chefe de Albers — e outras tantas aventuras que não deram certo na F1. O nome de Kolles estava totalmente envolvido com a Forza Rossa, que ganhou o direito de entrar na F1 em 2016, liderando a esquadra romena. Ué…

Teria Kolles dado um pé na nova equipe? A nova equipe não será nova e não vai existir? O que será da Caterham? A última parece mais fácil de responder: com um ex-piloto tocando o negócio sem nunca ter tido um cargo semelhante, com o histórico de Kolles e com essa obscuridade sobre os investidores da brincadeira, há uma tendência de insucesso latente.

2 comentários

  1. Notrya Annes disse:

    Na minha opinião, Kolles vai criar a Forza Rossa usando a estrutura da Catherham. Dessa maneira, ele já entra em 2015.

  2. AGS disse:

    É o que carro ideal do amassa barro..marcha lenta…não quebra, não anda..faz apenas pelas fotos..Massa..compre e vá criar seu team.
    Slowpédebreque.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>