MENU

6 de julho de 2009 - 14:40F1

Ser Cosworth ou não ser

SÃO PAULO | Não bastasse a questão de um braço-direito de Max Mosley, portanto FIA, intermediar acordos financeiros para a Manor muito antes do anúncio das novatas escolhidas para entrar na F1 em 2010, um segundo caso veio à tona hoje. As equipes que fizeram acordos com montadoras que não fossem a Cosworth praticamente foram eliminadas da disputa.

O “Daily Telegraph” trouxe o depoimento anônimo de membros de três equipes que não se encaixavam no processo seletivo da FIA. Um deles chegou a dizer que, de fato, era um fator mandatório. Um porta-voz da FIA confirmou que as aliadas da Cosworth foram privilegiadas.

Algumas destas 12 equipes que foram preteridas tinham acordos com Ferrari, Renault e Mercedes — que à época viviam uma guerra contra Mosley, o conhecido embate de se inscrever ou não por conta do proposto limite orçamentário. Isto significa, agora, que estas montadoras deixaram de ter novos clientes. USF1, Manor e Campos Meta vão usar Cosworth. Ou seja, outro cenário que delineia cartas marcadas.

Taí outro mote para uma nova batalha entre Fota e FIA.

5 comentários

  1. Rafael disse:

    isso ate se explica, afinal se uma montadora sai da F1 nao leva duas equipes ou seja 4 carros!

  2. Agora dá pra entender porque o David Richards não conseguiu inscrever a Prodrive, que tinha acordo certo com a Mercedes!

    Só espero que isso não gere uma nova “brigaiada” e volte à tona a idéia de se criar uma “Fórmula Fota”

  3. Victor, você tem todas as informações de qual equipe pretendente usaria qual motor? Coloque para a gente!!

  4. Sergio L Arduin disse:

    Será que o velho Max é o alter ego do Renan ou Sarney ?
    Ou será vice e versa ?
    Abs

  5. Verde disse:

    Matem o Mosley. Eu estava apoiando sua batalha contra a FIA, mas isso já é demais. Até mesmo o aumento do grid é conchavista. Matem-no.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>