Bia e a Indy 2010

B

SÃO PAULO | Bia Figueiredo foi eleita a piloto mais popular da Indy Lights na temporada 2009. É uma tendência, a de votar em mulheres como mais popular. Danica Patrick costuma ganhar este prêmio. Não foi diferente neste ano.

Bia é uma pilota — sim, existe, professor Pasquale disse outro dia na TV, confio totalmente — que sempre lidou com problemas de patrocínio na carreira. Tanto que ficou fora de algumas provas no ano, algumas após a panca em Indianápolis e a última em Homestead. Se a temporada não foi a dos sonhos, 2010 tende a ser promissor.

Bia vai fazer companhia a Helio Castroneves, Tony Kanaan, Mario Moraes, Raphael Matos e Vitor Meira no ano que vem. Não há contrato fechado, ainda. Mas vai correr na Indy em 2010, me garantiu um sanhaço imponente.

Sobre o Autor

16 Comentários

  • Difiicilmente ela vai conseguir uma vaga na Penske, Ganassi ou Andretti-Green.
    Vai ter que conseguir no mínimo uma Newman-Haas, para poder mostrar alguma coisa. Com carros tipo Dale Coyne ou Foyt, ela vai sofrer. : /

  • A pilota Bia Figueiredo merece e muito um lugar na Fórmula Indy em 2010, porque ela vem mostrando, desde os tempos do kart, na Fórmula Renault Brasil, na Fórmula 3 Sulamericana e na Indy Lights, que é imponente, tem personalidade, muito arrojo, velocidade impressionante e muito talento e tomara que ela consiga o combustível financeiro(leia-se, bons patrocinadores), pois na Indy, a Bia vai dar muito trabalho aos marmanjos e, principalmente, para a Danica Patrick e é seríssima candidata a conquistar vitória em sua estréia na categoria principal.

  • Caro amigo Victor, durante os treinos do gp Brasil, na parte onde estava a familia do Jenson Button, tinha um cara com uma blusa branca do PALMEIRAS, eu como PALMEIRENSE fanático tenho certeza que ele que ajudou o Button a ser campeão e o rubinho (corintiano) a estar sempre do PALMEIRAS.

    Só que eu gostaria de saber quem é aquele cidadão, se ele é inglês, parente do Button ou não.

    O QUE SE PASSAVA ALI…

    Tem como buscar essa informação?

    Abraço.

    * Só pra não fugir do assunto, eu confio na Bia, tem grande futuro.

    • Na verdade o camarada que estava com a jaqueta do time da Turiassu estava lá, atrás do velho John Button, a fim de trazer um pouco da já costumeira pipoca que o respectivo time (sic) está adotando como modus operandi nas últimas rodadas do nacional. Isso é corroborado pelo fato do indigitado aparecer no sábado e o Button classificar apenas em 14º enquanto o corinthiano Barrichello marcou a pole position… Infelizmente, parece, segundo fiquei sabendo, Ross Brawn vetou a entrada do infeliz no domingo no Paddock, fazendo com que Button conquistasse o título, uma vez que toda carga negativa emanada por aquela jaqueta foi neutralizada.

  • eu já vi essa garota guiando kart e gostei muito,, ela é imponente e tem personalidade,, ela não afina para os marmanjos,, estou torcendo por ela para que supere as dificuldades com patrocinios e vá em frente,, tenho certeza que ela é melhor que a Danica,, boa sorte

  • Eu perguntei dias destes p/ o Teo José e ele me falou que era dificil justamente pela falta de bons patrocinios. Mas eu tbm acho que é possivel pq, além de muito boa (pilotando), é bonita e, principalmente, simpática, ao contrário da Danica, “Barrichello” (segundo) dizem. Ia ser muito legal tê-la no grid da Indy!

Por

O dono da bola


É jornalista, palmeirense, dinamarquês por opção e sempre pensou que ia ter de cobrir futebol antes de chegar ao automobilismo, que acompanha desde os 7 anos. E desde que se formou, está na Agência Warm Up e no Grande Prêmio, isso há mais de 13 anos. Neste tempo, foi colunista do iG, escreveu para 'Folha de S.Paulo', 'Lance!' , 'Quatro Rodas' e 'Revista Audi', foi repórter da edição brasileira da 'F1 Racing', cobriu F1, Stock Car, DTM, a Indy e quatro edições das 500 Milhas de Indianápolis, e outras categorias ‘in loco’. Agora também é comentarista dos canais ESPN. Conheceu cidades como Magdeburgo, São Luís, São Bento do Sul e Nova Santa Rita, traduziu um livro da Ferrari e já plantou um monte de árvores. Tem quem fale que seria um grande ator, mas ter ganhado o Troféu ACEESP 2011 como 'Melhor repórter' da imprensa escrita mostrou a escolha menos errada. Adora comida japonesa, música eletrônica e odeia ovo, ervilha e esperar. “Necessariamente nessa ordem", diz.
ASSINE O RSS

Arquivos

Categorias

Tags

Twitter

Publicidade

Facebook

Publicidade