MENU

23 de junho de 2010 - 12:02F1

Bomba! Bomba!

SÃO PAULO | Situação está caliente em Valência. Por volta do meio-dia (7h da manhã no horário brasileiro), um jornal basco, El Gara, recebeu uma ligação anônima, de uma pessoa que dizia pertencer ao ETA, de que haviam quatro bombas espalhadas em estradas que levam a capital da Comunidade Valenciana, além de um quinto explosivo na ferrovia que passa pela cidade.

A Guarda Civil e o Ministério do Interior espanhol foi rapidamente avisado e está fazendo as buscas. Até agora, não achou rastros dos artefatos. Segundo o diário El Publico, peritos disseram que o aviso tinha “traços de veracidade”, pois o ETA costuma fazer seus ataques no verão espanhol e direcionado ao transporte público.

ETA é uma sigla para Euzkadi Ta Askatasuna, que pede a liberdade do povo basco e, obviamente, não tem nada a ver com a Epsilon Euskadi, equipe que tenta entrar na F1 no ano que vem.

Enquanto isso, Karun Chandhok postou no Twitter que uma estrada local está tapada por conta de um caminhão atravessado. Segundo o indiano, o motorista saiu correndo e os policiais foram atrás, a pé.

Complemento: a polícia espanhola confirmou que recebeu uma ligação falando sobre o suposto ataque terrorista. Após fazer uma varredura em toda a área de Valência, nada foi encontrado.

F26tntCLo8o%3D" alt="" />

5 comentários

  1. Olegário disse:

    Olha esse Chandhok fazendo terrorismo em 140 caracteres…

  2. Verde disse:

    Quatro bombas. Dois carros da Virgin e dois da Hispania. A quinta deve ser um Sauber.

  3. Diogo disse:

    ETA gente besta ! Existem idiotas até no primeiro mundo.

  4. André Nascentes disse:

    4 bombas no caminho para Valência? Os dois carros da Virgin e os dois da Hispania.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>