MENU

21 de junho de 2011 - 11:25F-Indy

Caminho de volta?

SÃO PAULO | O Felipe Giacomelli, dançarino nato de arrasta-pés neste mês, repercutiu ontem uma notícia da gloriosa ‘Associated Press’ de que a Red Bull deve deixar a Nascar no fim da temporada. A companhia avaliou que a venda de seus produtos para seu público-alvo caiu vertiginosamente, muito ao fato de que a equipe não tem apresentado resultados profícuos.

Tempo atrás, rabisquei alguns parágrafos sobre a estratégia da Red Bull em todo o mundo, e no automobilismo não é diferente: a companhia quer estar nas categorias de mais atenção nos mais diversos lugares. Acontece na F1, na MotoGP, no DTM, no WRC, na Stock Car. No mercado americano, a companhia dos energéticos estava fincada na IRL e tinha uma parceria com a Cheever até 2005.  Como a categoria não era um torpor de audiência, ainda rivalizava com a Cart/Champ Car e o acordo com o time de Eddie Cheever não era dos mais bem casados, lá foi a Red Bull para a Nascar.

Penso cá que a tática de marketing deles não deve ser alterada, e eles vão ainda utilizar o automobilismo norte-americano para promover seus produtos. Com a Indy agora unificada, com pilotos de bom nível e um novo pacote aerodinâmico, que estimula a competição entre as equipes — e sem a Cheever —, é bem possível que a Red Bull reavalie um retorno àqueles monopostos.

21 comentários

  1. Vitor disse:

    Mais legal ainda, e se a Red Bull vira patrocinadora de uma equipe da Indy e eles arranjam um carro pro Vettel correr em Indianápolis!!

  2. Rafael disse:

    a red bull voltando pra indy, poderiam criar uma equipe nova e trazer como pilotos o dan weldon e o ed carpenter, ambos bons pilotos e o weldon ja foi campeão e venceu 2x indy 500

  3. Pietro Perizzollo disse:

    a Redbull tem uma política de exagero para tudo, pode mundo bem retirar a equipe de 2 carros e patrocinar apenas um carro de outra equipe

  4. ricardo domingues disse:

    Eu acho que a Red Bull errou em montar uma equipe na NASCAR, deveria ter se associado a uma equipe já existente, como a Roush Fenway e a Richard Childress por exemplo. Começar do zero na NASCAR é bem mais dificil que na F1, na Nascar a parte técnica, muda raramente as regras, só agora em 2011 estão utilizando injeção eletrônica. Já na F1 todo ano a FIA altera alguma coisa, quando em 2009 fez mudanças radicais onde a RBR foi beneficiada, mas antes também estava patinando sem resultados expressivos na F1. Eu acredito que a Red Bull pode se juntar a Penske, na Indy o carro do Hélio e do Ryan Briscoe que está trocando de patrocínio toda a corrida, seria o casamente ideal para ambos. Dependendo da grana a Penske pode colocar mais um carro na NASCAR, com o patrocínio da Red Bull.

  5. philipe speed disse:

    se fosse a babaca da ferrari que tivesse essa desgraça de difulsor aquecido ninguém falaria porra nehuma por que aqueles otários são muito mais gangsters do que propriamente dito competidores e são tão incompetentes em concertar um carro horroroso que apelam para estas aberrações que acontecem.

    eu como fã sinceramente eu me sinto lesado por essas coisas que acontecem porque são forjadas para que haja audiência….. puts….. esse mundo tá perdido.

    ano passado a maclarem bolou um duto frontal e foram abolir isso só no final do ano… porque temos sempre um peso e duas medidas?

    quer saber…. minha torcida agora é para que a ferrari não ganhe nada este ano – tome um vareio de quem quer que seja para ver esses patéticos se fuderem na temporada e passarem uma vergonha mundial.

    desculpem meu desabafo mas é que meu saco já encheu…. se eu pudesse convencer as pessoas de pararem de assistir f1 para que a audiência caísse para que eles tomassem vergonha na cara e fizesse um campeonato por meritocracia e o faria – mas infelizmente tem gente que acha isso normal.

    que saco isso viu meu…..

  6. philipe speed disse:

    aí eu paro de ver essa porra de palhaçada.

  7. Thiago Barbosa disse:

    A Red Bull ainda pode continuar como patrocinadora da equipe, e seria ótimo ter a Cheever de volta ao grid da Indy.

  8. João Ferreira disse:

    Seria bacana ver os carros da IRl com a estampa da Red Bull, mas também acho que a Red Bull poderia ficar na NASCAR, não como equipe, mas como patrocinadora, acho que até contratando um piloto com boa experiência e vencedor de corridas como o Carl Edwards, Tony Stewart, sei lá….

    Agora na IRL, é difícil, um campeonato de duas equipes só (Ganassi e Penske), o resto precisa de um patrocinador forte e pilotos excelentes para bancar estas duas….

    Mas mesmo assim é difícil, tirando o Tony Kanaan, o que sobra são pilotos bem fracos….

  9. Ricardo Arcuri (Paddock Press) disse:

    Sei nao Victor. A NASCAR tem 3 ou 4x mais audiencia que a Indy, especialmente pelo acesso a TV aberta. Enquanto a Indy é transmitida pela Versus, canal de cabo da ABC, e com algumas corridas por ano via ABC aberta, a NASCAR é transmitida por 5 emissoras diferentes ao longo do ano, sendo a TNT a unica por assinatura. Isso sem contar o publico in loco, que tem a tradiçao de ser lotado em corridas comuns e a Indy so tem casa cheia nas 500 Milhas.

    Entendo que a Red Bull, se for pra sair da NASCAR, é pra deixar de investir no automobilismo americano. Mas ao mesmo tempo isso nao faz o menor sentido, especialmente com a vinda de Raikkonen pra NASCAR. Nao li a reportagem, mas to achando que é mais uma daquelas noticias que merecem ser filtradas tipica da F-1, com cara de texto pra vender jornal…

  10. cesar disse:

    Uma das acoes mais bacanas da Red Bull nos EUA eh um campeonato individual de basquete em….. Alcatraz. Quem quiser ver, redbullusa.com/kingoftherock

  11. Fernando Monteiro disse:

    Por falar em Red Bull, sei que não tem nada haver, mas acabei de ler aqui no site que a FIA vai proibir o mapeamento dos motores entre treinos e corrida. Tambem li que um Técnico da McLaren acha que essa é a chave de sucesso da Red Bull. Pô, sacanagem, os taurinos tem umas idéias geniais e a FIA vai lá e estraga tudo, a McLaren está se aproximando dele com um tremendo esforço e vemos uma Ferrari perdida. O Sr. Stefano Domenicali acha que agora terenmos um novo campeanato. Acho que tem a pressão da Ferrari nisso. Querem prejudicar a RBR de todo jeito.

  12. Anderson Puff disse:

    Sair da Nascar para voltar a Indy hoje, por mais fan da eu que sou, sei que essa não é uma boa estrategia de marketing, a Nascar a visibilidade nos EUA é muito maior, lógico que na Indy a Red Bull poderia ter uma super equipe e andar na frente o tempo todo, mas dominando na F1 que é o topo como estão hoje, acho que isso não vai acontecer, uma pena para a Indy……

    • Diogo disse:

      Na verdade não é retrocesso. O perfil do espectador da Nascar é o “cowboy” do interior dos EUA, bebedor de cerveja. A Indy tem mais visibilidade na costa oeste e na Flórida, onde os clientes jovens e “cool” consumidores de Red Bull se fazem mais presentes.

  13. Alexandre Lourenço -SP disse:

    Puxa, baita patrocínio em gente !!!
    Imaginem essa Red Bull numa Newman Haas ou até numa KV fortalecida com o Kanaan como pilto Vixe !!!!

  14. Pedro Paulo disse:

    VICTOR caso a red bull volte para indy seu novo projeto seria com equipe própria ou patrocionando algum time , como torcedor queria o apoio dos tourinhos na Newman-Haas para á euipe voltar a ser grande como era na década passada .Parabéns pelo blog .

  15. Lima disse:

    Hendrick…. kkkk
    A Red Bull não tem parceria com a Hendrick, se tivesse teria ganho mais que uma única prova…
    A equipe dos energeticos anda de Toyota e não fará falta em termos de competitividade.
    Uma equpe de Nascar de bom nível tem orçamento de mais de quinze milhoes, era muita grana para pouco retorno.
    Indy? quem sabe… a categoria vai sair da Versus e voltar para um grande canal? se não fica complicado, pôr dinheiro e ninguém assistir, pois as arquibancadas seguem vazias e a Versus é um canal pequeno. Não fosse Indy 500, a categoria já teria perdido 80% do patrocinadores.

  16. paulosk disse:

    E o Raikonnen, não iria para a Nascar, correndo pela Red Bull.

  17. Georgy Diniz disse:

    É uma pena Victor que ela não envolva mais os pilotos… Brasileiros na NAscar seria algo incrível, e ajudaria até mesmo a nossa falida Stock…

    Acho legal essa idéia da marca estar presente em todos os locais… Assim que se faz um bom mkt! E se o Adrian der uns pitacos em um carro da Indy, aí sim teremos uma 3° equipe de peso na categoria.

    • Anderson disse:

      Procure se informar. Existem brasileiros começando a carreira na Nascar e só falta de patrocínio tira eles do caminho, pois estão com resultados razoáveis para uma primeira temporada completa.

  18. André disse:

    Preferiria muito mais a Red Bull na Indy do que na NASCAR. É uma categoria que precisa muito mais de grana atualmente, e até tem um punhado de pilotos a pé por falta disso.
    André / Piloto no http://www.f1bc.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *