MENU

1 de março de 2012 - 12:13F-Indy

O caminho a seguir

SÃO PAULO | Habemus anuncium, e lá no WTC de São Paulo, a fumaça indicou o que todo mundo já sabia: Barrichello se torna o novo astro da Indy e a maior aquisição da categoria em 19 anos — curiosamente o espaço de tempo que ele ficou na F1 —, tal como a menina dos olhos da TV Bandeirantes.

E se faz válido analisar estas três peças.

Barrichello primeiro, claro. É um bem danado a Rubens no âmbito esportivo. É curioso ver que ele será um estreante no ano em que completa 40. Mais ainda, que ele será o mais velho de todos — Davey Hamilton e Paul Tracy não devem fazer a temporada toda. Um novato decano. Coisas da vida. Enfim, Barrichello tem tanto sua mente e seu físico voltados às corridas que seria impossível vê-lo tirar um ano sabático, que certamente o deixaria cômodo demais para que tentasse uma volta em 2013. Sua irmandade com Kanaan o levou a topar o desafio de guiar o carro. Sua qualidade o fez mandar bem nos testes. Seu peso chamou patrocínio. Sua obstinação dobrou o veto e o muxoxo da mulher Silvana. Com tudo conspirando a favor, não havia como não chegar a um acordo com Jimmy Vasser, que veio ao Brasil para participar da coletiva.

Curiosamente, Barrichello acaba por apagar sua saída sombria da F1 sem aquela despedida digna que (se) merecia. Porque ele justamente vai para a Indy como o grande nome, em substituição a Danica Patrick. Rubens vem também no momento mais propício possível, em que a Indy abandona suas carcaças velhas da Dallara para pegar chassis novinhos em folha, numa KV crescente com motores confiáveis da Chevrolet — que volta pelas mãos da Ilmor, preparadora dos antigos Honda — e com apoio irrestrito, esportivo e técnico, de Kanaan. Assim, não é viajar muito pensar que Barrichello alcance o mesmo êxito de Mansell em 1993. Cai no clichê do difícil, mas não impossível.

À Indy, nada melhor. Para quem quis transformar Wheldon em um super astro numa prova e o viu sair dela morto, a presença de Barrichello é uma ressurreição ideal. Mesmo de longe, observa-se entre os americanos uma certa euforia. É como se a série que havia rachado depois de 1995, cambaleado até 2008 com a fusão com a Champ Car e ainda não se achado apropriadamente até então, com mudanças em seu comando e decisões dúbias durante as corridas, tivesse enfim um valor. Os planetas parecem devidamente alinhados numa temporada mais curta do que o convencional. Se for válida, excelente.

E tem a Bandeirantes. O grupo de comunicação omitiu de seu público, em todas as suas mídias, a informação que já tinha há algum tempo, completa — a que todos já sabem. Tem quem não veja problema nisso. Pena. Se um dos pilares do jornalismo é o furo, a emissora do Morumbi preferiu embalar a notícia de Barrichello em um mega evento, com transmissão ao vivo por rádio e TV, nos moldes que a Globo fez na F1 com Senna e a Williams. Aliás, as TVs no Brasil geralmente são parceiras de eventos esportivos, e como um membro da Bandeirantes disse em off, não conseguem achar uma forma de coexistir com uma independência editorial. Daí a ausência de críticas. É por isso que, enquanto aliada de prefeitura paulistana e governo paulista, a Band se presta a até deturpar a realidade nos vários defeitos e problemas apresentados nas corridas realizadas no Anhembi. “Espaço para bom jornalismo mesmo é cada vez menor e, pior, cada vez mais controlado e dirigido. Somos ilhas nesse mundo”, sintetizou o mesmo funcionário da casa.

Resumidamente, o interesse comercial atropela o jornalismo. Assim, ter Barrichello no ‘elenco’ é uma dádiva. A Bandeirantes agora sabe que detém na mão um grande produto de audiência. Rubens, mal ou bem, é centro das atenções. Não à toa que a emissora deixou de prontidão todas as suas equipes e deu um tom até de que foi grande auxiliar no acordo do piloto com a KV. Teve até um “parabéns em nome de todo grupo Bandeirantes de comunicação” ao vivo no meio da coletiva. Isso já denota o que devem ser as transmissões neste ano: Barrichello belo e divino, o melhor brasileiro de todos os tempos do automobilismo, o mais perfeito, o mais bem sucedido, o mais carismático, o mais mais.

E aí, Barrichello vai ser tão bem tratado, por assim dizer, quanto era em seus tempos de Globo. Se era alvo do ‘Casseta’ lá, vai se tornar astro do ‘CQC’ e do ‘Pânico’ — só que será blindado de início até porque a Bandeirantes deve determinar que não ousem falar mal dele. Se havia um desejo e uma esperança em não ver aquele Rubinho do Brasil-sil-sil manipulado e reclamão, há controvérsias. E se Rubens tirou uma lição do que passou na F1, seria de bom grado que não mergulhasse nos mimos e regalos que a Band vai ofertá-lo.

Seria bom que Rubens, neste renascer da carreira, já caminhasse por si só.

49 comentários

  1. Leonardo Leite disse:

    Rubinho nunca foi um “bom” piloto, no máximo mediano. Lembro das corridas do AIRTON SENNA e as disputas travadas com ALAIN PROST e NIGEL MANSELL. Naquele tempo as corridas eram emocionantes e imprevisíveis, pois existiam excelentes pilotos. O Rubinho nunca demonstrou ter espírito de campeão. Por isso, ele será sempre lembrado como “Rubinho Pé-de-Chinelo”. Era hilário ver o saudoso “BUSSUNDA, do Casseta & Planeta, imitando as proezas do Rubens.

  2. japa disse:

    e quem não gosta de ser mimado???

  3. pc disse:

    Duro vai ser escutar o Luciano do Valle gritando: É um genio…….

  4. Rodrigo Mota disse:

    carro muito bonito mesmo. lembra um da época da CART em que também era desta pintura, todo azul…

    que o Rubens aproveite a oportunidade e corra bastante, tá certo que nos EUA o pessoal é esquentado mas acho que é isso que falta a F-1, que deixem seus pilotos se esquentarem e sairem com tudo na corrida. sem essa de “linha de ultrapassagem” e asa móvel. deixem os pilotos sairem querendo colocar o carro na fuça do adversário e sair em tudo pra cima dele.

    se sairem no tapa é consequencia, mas o torcedor adora uma rivalidade declarada, adora um Hamilto VS Massa e vai gostar de ver o Rubens se estranhando com algum Americano…

    na NASCAR é assim e olha o sucesso dos caras fazem!

    a INDY 500 vai ter Brasileiro bom. se o resultado do Rubens for bom nessa prova acho que a Globo vai noticiar sim…

  5. Dynastes Marinho disse:

    Ola Victor

    O que vejo é que a maior parte da imprensa esportiva brasileira ainda vive o passado esportivo do Rubinho, os seus problemas antigos , os seus erros antigos e tudo mais (globo, band, casseta…)
    E o Rubinho tá lá na frente. Para quem viveu 19 anos de F1 e andar como ele andou num carro da Indy é muito bacana. Mostrou que é competitivo e que tem muito a aprender e vai fazer o seu melhor ..
    E ponto !! Só isso !!
    O que vejo agora é um grande exemplo de desportista e uma paixão incondicional pelo esporte.
    Além de uma demonstração rara de amizade entre dois competidores como Tony e Rubinho
    Depois de mais de 20 anos acompanhando a F1 .. vou ter vontade de assistir eles competindo da Indy. E ver Rubinho em Indianápolis !??!! Pô .. será que dá para ir assistir ao vivo?

    Abraço e boa sorte para Tony e Rubinho e aqueles que vivem para realizar os seus sonhos

    Abr

    Dynastes Marinho
    Brasília – DF

  6. IVAN disse:

    Mau caráter; a BAND e BMC vão se enterrar com ele…

  7. Alírio Andrade disse:

    Olha, problemas à parte com nossos canais de TV, tenho certeza de uma coisa: Se as transmissões da F-Indy forem feitas pelo Téo José, serão feitas pelo melhor narrador de eventos automobilísticos. Nada de Galvão, Luiz, Cléber e Luciano. O melhor narrador de corridas chama-se Téo José e esperamos que ele possa fazer a cobertura dos eventos. No mais, é esperar que os brasileiros acelerem em espacial o Rubinho que fará sua estréia. Sua técnica e conhecimento na regulagem dos bólidos fará a diferença.

  8. È agora o Tony Kanaan não sinta pena do irmão Rubinho, e de uma surra boa nele mandando ele parar de chorar e reclamar como um bobo alegre.

  9. Carlos disse:

    Se a Band passar as provas ao vivo pelo obscuro BandSports, já será uma vitória .

  10. Ricardo disse:

    Victor, e esse carro com patrocínio Chevy e Hyundai? Sei que é Hyundai Máquinas, mas até explicar que focinho de porco não é tomada…. Achei que a GM ia chiar por causa disso…

  11. Alexandre Lourenço -SP disse:

    O Gustavinho um piloto fracassado não economiza milhões de euros para uma equipe e muito menos não permanece por 19 anos na maior categoria do mundo atoa, ainda mais fazendo o que mais ama, se liga, fracassado é vc que não sabe o que é um cara bom e fica falando maus dele por que é muito facil.
    seu “JACÚ”

  12. Thiago Sabino disse:

    E a Patricia Poeta deu a notícia…..em pleno JN.
    Mas o ponteiro dos segundos não chegou nem a 15….
    Enfim, até parece um avanço, pra quem antes cagava um balde pra F-Indy…
    Só que, transparece nesses lances, que a RGT deve ter alguma dívida moral com o RB, ou seja, não vai deixar passar em branco, principalmente se rolar umas vitórias e tal….

    Tempos atrás, fizeram uma reportagem com o Felipe Nasr. Noooutro dia, fizeram uma com o Luiz Razia….

    Será que a RGT percebeu que a fonte, depois do Massa, e sua eventual derrocada em 2012, vai secar, e aí haja lábia pra convencer patrocinador a renovar cota pra F-1 com UM brasileiro?

    Sei lá…..

  13. Gustavo disse:

    Nossa meu amigo, parabéns pelas palavras, são lindas… Mas tu perdeu elas falando do fracassado do Rubinho. Fala sério… esse pilotinho é comédia !

    • Enio disse:

      E vc leu e respondeu!!!????

    • @Di_GT disse:

      hehehehe
      o cara ganhou mais $$ que sua familia inteira vai ganhar a vida toda, pilotou carros fantásticos, é bem sucedido na carreira, faz oq gosta, tem uma familia mto bem estruturada e, aos 40 anos, tem pique pra começar do 0 mesmo nao precisando e um boçal vem aqui e ainda o chama de fracassado.

      mas pior mesmo fui eu que perdi 1minuto escrevendo isso.

  14. Hugo disse:

    Muito bom o texto.

  15. Pedro Paulo disse:

    Um detalhe a ser observado também: que carro bonito é esse que o barrica vai correr, a indy ta vindo com força em todos sentidos. Este ano promete

  16. Ricardo Arcuri disse:

    Em defesa de Rubens, digo que quando ele era o reclamao e mimado, tinha 25-26 anos e carregava uma “responsabilidade” de alguem que deveria ter, ao menos, o dobro de experiencia que tinha na epoca. Nao esqueçam que la ele começou precoce.

    Agora ele tem 39 anos e uma atitude completamente diferente. Ele denota respeito, sem ser turrao ou muito serio. Ele aprendeu sim, ao modo dele. Vejo uma nova era na vida dele, que promete ser bem sucedida. Nao digo nem com um titulo, mas com a afirmaçao do que ele deixou na F-1: piloto consistente e experiente.

    Pode acreditar: quem esta saindo perdendo é a F-1. E bem feio.

  17. marcelo disse:

    Prezados amigos,

    A verdade é que o Barrichello, gostem dele ou não, é uma das poucas estrelas do automobilismo mundial. Não precisa ter sido campeão mundial de F1 para isto. O Montoya fez menos que o Barrica na F1 e é outra estrela do automobilismo, esteja onde estiver. Para isto é preciso competência e carisma. Isto os dois tem e muito.
    O resto são corridas,
    abs

  18. Leo disse:

    Pela primeira vez na “carreira”, Rubens está no lugar certo, na hora certa.
    E convenhamos… com uma conexão de internet razoável, dá pra assistir ao vivo. Se tiver um cabo hdmi e uma tv com menos de 5 anos rola até em HD, no aconchego do seu lar, sem nenhum feladaputa gritando brasil-sil-sil até em pit-stop.

  19. Luiz Antonio disse:

    Bom, espero que haja transmissão da Band (ou pelo menos do Bandsports) esse ano. Tomara que a palhaçada do ano passado não se repita.

  20. domingos chicao disse:

    PARABÉNS A RUBINHO,PARABÉNS A BAND;RECADO À BAND:TRANSMITEM TODA CORRIDA AO VIVO E SEM CORTES,COMO GOIANO DIGO TAMBEM AO TEO JOSÉ ,CONTERRANEO ,NOS AJUDE AI COM A BAND. QUEREMOS CORRIDA AO VIVO!!!!!

  21. Alexandre Lourenço disse:

    Eu que amo a Indy a mais de 20 anos, a F-1 veio depois , posso garantir que a chegada do Rubinho é bom pra todo mundo mas podem acreditar que mesmo assim a Band vai priorizar a transmissão no domingo para o futeboleco de sempre,não entendo isso ja que ela leva uma baita surra na audiencia pra sua concorrente.
    Eu botaria corrida por que ela vai dar uma audiencia sincera mais do que futebol,mas como esse mundo não é perfeito vou ter que assistir boa parte dessas provas pela internet mesmo como sempre fiz.Fazer o que.O Paulo Pereira , agora vc vai ver o que é corrida de verdade!!
    Welcome to the Indy!!!

  22. Luiz Carlos Antunes disse:

    Acredito que a Bandeirantes, com a entrada do Barrichello, conseguirá se reerguer com uma melhor transmissão da Indy, pois nos ultimos tempos estava um pouco caida, a própria KV Racing conseguirá ter um salto na classificação, pois Barrichello levará além de muita motivação ao Time, uma capacidade muito grande como arranjador de carro, conseguindo largar nas primeiras posições, não só ele, como também o Tony Kannan e o EJViso, pois todos se beneficiaram desta qualidade do Barrichello, e ele se beneficiara do Tony Kannan, para compreensão tanto da pista como do carro, e com certeza ganhara corridas, podendo ser Campeão ou chegar muito próximo, para quem não sabe o Emerson Fitipaldi começou na Indy com 38 anos e só em sua sexta temporada na Indy é que conseguiu ser campeão.Boa sorte ao Barrichello!

  23. Victo seu desejo não foi atendido. Em entrevista Barrichelo falou que: “O Brasil agora mudou de casa. Saiu de Interlagos e foi para o Anhembi”. Depois de vomitar um pouco, juro que tentei pensar boas coisa sobre o Barrichelo, mas na boa, não dá.

  24. André disse:

    1. Se a Band passar tudo ao vivo, beleza, senão vai ser a mesma merda de sempre
    2. Barrichello não vai aprender a lição da F-1, isso é certeza
    3. Li a declaração do jornalista na Band imaginando a voz do Teo José
    4. Sei lá.

  25. bruno disse:

    Espero sinceramente que a Band não interrompa as corridas pra passar São Paulo FC e Arranca-toco EC de Araringuacuçuriú ou qualquer outra cidadezinha do meio do mato do interior, como fez algumas vezes que eu resolvi assistir. E no momento em que a corrida começava a esquentar. Considerava absurdo e desrespeitoso algo assim. Como é que os anunciantes aceitam, como o público aceita?
    Vamos ver o que vai dar, se Rubens será mais forte que time do interior para o agrado da audiência da Band.

  26. andre luis disse:

    RUBENS MERECE RESPEITO…FEZ O QUE O BANANA DO MICHAEL SCHUMACHER JAMAIS TERIA FEITO E BATEU PINO DOS OVAIS.. RUBINHO MERECIA E MERECE ESSA CONSAGRACAO, CORRER EM OVAIS, MUDAR DE CATEGORIA, MOSTRA A SUA PAIXAO, QUERIA VER O PALHACHO DO MICHAEL SCHUMACHER COM 7 TITULOS DA F1 SE AVENTURAR NA INDY…KKKKKKK
    RUBINHO NAO É CAMPEAO DA F1…MAS VAI PRA INDY pq adora correr….

    • victor disse:

      VM responde: Da próxima vez, Andre, por favor, em caixa baixa. Você consegue.

    • André França disse:

      Rapaz, olha que o alemão, que é um grande super mega overpower vilão gosta de perseguir o probre coitado do Brasileiro, vai acabar indo pra Indy, só pra sacanear o Barrica. Mas só depois dele bater o recorde do Barrica na F1 de GPs disputados, porque o principal objetivo de vida do Schumy e sacanear nosso probre heroí. =P~

  27. VL disse:

    Análise perfeita

  28. Luiz G disse:

    Uma coisa é certa!

    A Band vai bater recorde de audiência na primeira corrida da F-Indy neste ano.

    Não sei se vai manter a audiência, mas a primeira corrida, vai ser um recorde!

  29. Paulo Pereira disse:

    Nunca na história desse país assisti um corrida da Indy… Vamos para a primeira !!!

  30. Luiz G disse:

    Ruuuuuuuuuubeeeeeeeeeeeeeenss Barriiiiiiiiicheeeeeeeeeeeeeeeeeellooooooooooooooooooo!!!
    Go Rubens!!!

  31. Luis Vieira disse:

    Caro Victor,

    por de esquecer mas nunca uma TV (principalmente as abertas) vai investir em um produto e não fazer a “boa propaganda dele” mesmo que exagere um pouco. Ou voce acha normal alguem gastar dinheiro em um carro, por exemplo, e na hora de vender sair comentando que o carro não é lá essas coisas, tá cheio de “probleminhas”??? A midia foi e sempre será manipulada e direcionada para alavancar seus interesses que é audiencia/dinheiro.

    Então por isso, não vejo o Rubinho como culpado por uma eventual imagem errada seja na epoca da F1/Globo ou F-Indy/Bandeirantes… Ele é piloto, tá lá pra correr e ponto. Ele nunca prometeu vitorias ou titulos mas tão pouco, como qualquer outro piloto, chega na entrevista falando que o carro é uma porcaria que ele não é piloto competente pra ganhar corridas.

    Resumindo, tá tudo mundo atras dos seus interesses, Indy, Band e Rubinho. E ninguem tá errado. Agora é deixar os bla-bla-blas de lado e ver os pegas nas pistas que afinal é o mais legal de tudo. Boa sorte e todos que investiram nesta parceria.

    • Daniel disse:

      Nunca prometeu em alto em bom som , mas como em alto e em bom som, sempre falava, com carros pífios, que “pensava em vitórias sim.. blablabla”.
      No entando acho o rapaz tão talentoso quanto é reclamão.
      Boa sorte a ele e que a BAND transmita direito as corridas.

    • Alex disse:

      É, de vez em quando pinta aqui alguém comentando com clareza de entendimento. Parabéns colega, pois você é um dos poucos que entende o que rola neste mundo de negócios, pois corridas são negócios e tudo depende de patrocinadores, audiência, dinheiro, etc. Algumas pessoas acham que os investidores colocam milhões de dólares apenas porque gostam do esporte. Os únicos que estão alí porque gostam de correr são os pilotos, que não correm só pela grana, com certeza, ou alguém acha que o Rubinho ainda precisa disto?

  32. ChristianS disse:

    Ótima noticia. Detona Rubens!

    Vou começar a assistir a Indy. Mas se os locutores começarem com babação na Bandeirantes vou assistir na internet.

  33. Valdner disse:

    Infelizmente encaminha-se para ser um lambe-lambe sem fim da Bandeirantes no Barrichello. Todas asTVs abertas seguem o mesmo padrão Globo de Babaq…, ops, “jornalismo”, só que ainda mais piorado para infelicidade de quem tem um mínimo de bom gosto e discernimento. Emissoras como a Band tentam ganhar pontos de audiência tentando usar as mesmas “armas”, porém, só conseguem ser cópias mal-feitas da platinada.

  34. Andre Almeida disse:

    Bom, da minha parte, eu vou assistir a Indy só se ela passar ao vivo.

    Nada de reprise.

    Agora, realmente. Eu estou muito interessado pelo desempenho do Barrichello.

    Sobre a Band, eu nunca gostei mesmo. Está pra nascer uma televisão que saiba cobrir esportes de modo geral, sem parecerem uns completos idiotas.

    Aliás, por que na tv todos os reporteres e apresentadores de tv aberta tem esse ar “engraçadinho – ufanista – sorrisão – exagerado – gestual”?

    Quer dizer que quem pratica esporte, geralmente, é um retardado?

  35. Edisonlsm disse:

    Bom, espero que haja transmissão da Band (ou pelo menos do Bandsports) esse ano. Tomara que a palhaçada do ano passado não se repita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>