MENU

2 de novembro de 2012 - 13:20F1

Terra dos emires

RIO DE JANEIRO | Mas era só o que faltava para Alonso: não bastasse tomar tempo da Red Bull e ser mais lenta em volta rápida que a McLaren, agora é a Lotus que aparece também à frente para atrapalhar sua vida. Devem ter sido grandes os pecados da Chiliquenta durante as férias da F1.

Sem atualizações importantes desde a semana passada, normal que Vettel e as McLaren aparecessem nas primeiras posições. Talvez Webber devesse estar ali em segundo, mas pouco importa, na real. O que vale é que a diferença do alemão para o espanhol parece enorme em Abu Dhabi, um circuito lindo porém horrível. Vocês entenderam.

Massa, no papel de fiel escudeiro, não desgruda de Alonso. Mas não tem lá muito o que fazer. Senna, que já sabe que não continua na Williams no ano que vem, mas faz desdém, andou no ritmo de Maldonado. Enquanto isso, seu empresário trabalha todo pilhado para arrumar uma vaga ao brasileiro, que foca na Force India — mas tem de levar pelo menos 20 milhões de obamas. É dinheiro ou não é?

Num dia que não aconteceu nada de mais, a não ser que Mito tem tomado cada vez mais tempo de Pérez, provavelmente depressivo por ver que não tem mais F1 na sua vida, o que resta é ir à praia.

 

3 comentários

  1. Anderson disse:

    Vitor, se Bruno conseguir 20 obamas, ele teria chances de ficar na Williams, já que é um dinheiro muito bom em comparação ao Bottas. Vendo pelo lado que a Williams sempre deu preferencia a equipe do que os pilotos.
    Abs.

  2. eduardo dragonetti disse:

    Kobayashi é igual a viúva Pocina a que foi sem nunca ter sido. Nunca foi mito, isso é invenção do Flávio Gomes.

  3. Felipe Mazorca disse:

    Ih, Victor. Tavam dizendo por aí que a matéria sobre o Bruno Senna era chute, hein…. Engraçado é que hoje tá todo mundo dizendo que realmente ele tá fora…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>