MENU

18 de março de 2013 - 6:07F1

Adiante, bela!, 2

SÃO PAULO | As reações e respostas ao resultado são válidas para tentar entender onde foi que a maioria, incluso eu, erramos na avaliação de que a Red Bull sobraria na Austrália, de onde há de partir para a Malásia com uma derrota sensível. Primeiro que ninguém nos boxes taurinos borrifados de roxo-celofane há de convencer que o pódio de Vettel é meramente um bom resultado. E o bom é de que sua alegação ao terceiro lugar vai ser contraposta nos próximos dias na Malásia.

A Red Bull põe nas baixas temperaturas de Melbourne a culpa pelo desempenho discreto de Sebastian durante as 58 voltas da corrida. Um Vettel que largou bem, mas que em nenhum momento conseguiu desgarrar das Ferrari de Massa e Alonso no primeiro stint ou que conseguiu ameaçar Sutil na briga pela liderança mesmo com calçados mais novos no segundo. E esse Vettel que não desenvolvia ao longo e que segurava o ritmo de Massa e Alonso é que fez o engenheiro do espanhol arriscar. A moita não tinha nada a oferecer além daquilo, embora tenha sido agradável a Felipe e seu grupo, que tomaram na testa por não terem aquela sacada. A isto, em instantes.

Quando calçou os supermacios nas CNTP similares, Vettel sobrou, sobretudo no que restou da classificação. Com aquele pneu de faixa vermelha e curtíssima duração, então, a Red Bull se vira. Mas em longa duração, com os médios, a performance é simplesmente mediana e o carro consome muito da borracha. Tanto que Seb terminou longos 10s atrás de Alonso, sem chance de briga. Dizem os catedráticos que a coisa será outra em Sepang, com termômetros lá no extremo. O pneu médio lá estará, junto ao duro. Reserve.

Massa pulou como um um canguru no cio para cima de Webber na largada e tomou sem sustos duas posições, já que Hamilton se preocupava em não perder posição para Alonso, o que não conseguiu curvas depois. Felipe bem acompanhou o líder Vettel até a parada deste, assumiu a ponta e, oh!, puxa!, a Ferrari o chamou antes de Alonso para a primeira parada. A Ferrari, essa equipe aí cuja razão social é boicotar brasileiros, na visão de Brasilino Pacheco… Fernando foi aos pits uma volta depois, e as coisas ficaram na mesma.

Vendo que Vettel, e não Sutil, quem lhes prendia o ritmo, restava que alguém arriscasse, e só podia ser antecipando os pits para que voltasse em ritmo melhor à pista e girasse mais rápido que o pelotão. Massa, que não atacou Vettel e tinha o temor de que os macios iam lhe ferrar no fim da prova, preferiu ficar ali esperando a banda melbourniana passar; o companheiro arriscou. A grita que se faz achando que houve um jogo de equipe descarado não cola, até porque o ritmo de Massa era tão bom quanto o de Alonso. Se a Ferrari realmente já quisesse entregar o troféu de primeirão a Alonso, teria feito na primeira parada. E outra: vai que arrisca com Massa e não dá certo. Aí toda a torcida cheia de ladainha e mimimi estaria reclamando que o projeto Fornicazione 2013 estava em ação de outra forma.

A leitura da corrida naquele momento, em sua metade, permitia pensar que Sutil, sim, seria um candidato a vitória. Andando no ritmo dos demais com pneus velhos e com um plano de corrida que o veria colocar os supermacios no fim, teoricamente lhe dando um mega-impulso, Adrian voltava à F1 prestes a brilhar. Mas o desenrolar das ações, com Alonso endiabrado e livre de Vettel, e o insurgente Räikkönen, ofuscaram o plano da Force India, que ainda deve alguns décimos aqui e ali, mas que já se mostra um carro bem feitinho para encher o saco da vida das grandes, com um piloto de nível pra lá de bom. E Sutil virou mais lento com os pneus chiclete-Adams, afe.

Kimi, Kimi. Se a corrida fosse vista em takes de cinema ou flashes, seria até mais interessante. Por exemplo: no começo, quando estavam lá a Red Bull e as Ferrari, Räikkönen deu um passão por fora em Hamilton. Depois, quando estavam para começar as paradas, eis que o degustador de vodka já estava colado atrás de Alonso, com quem parou para colocar os macios. E como a negada da frente e o resto do povo estavam preocupados em ver como ia se desenrolar a briga entre os quatro, ninguém reparou no bote de Kimi de fazer o resto da corrida dividido ao meio, em trechos de 24 e 25 voltas. A equipe de Massa achava que com 18 ou 20 já ia para o bagaço, o que se mostrou errado. Ali a Lotus foi genial e demonstrou, com a volta mais rápida de seu mestre nos giros finais, que tem um carro extremamente competitivo nas corridas. E que parece ter resolvido seus problemas de confiabilidade. A Pirelli reagiu: “Eles entenderam perfeitamente o funcionamento dos pneus”. Taí. É isso que vai determinar as variedades e diferentes situações do início do campeonato.

A Mercedes deu saltos em relação ao ano passado tanto em termos de classificação quanto de corrida. Mas o cenário parece o mesmo: nos GPs, cai um pouco. Hamilton andou rápido enquanto os pneus lhe deram chance, enquanto o outro carro, o de Rosberg, quebrou. Ficou em quinto, o inglês. Uma estreia mediana. Webber, meu pai do céu, sexto colocado, não fez cocô nenhum a corrida toda. Culparam o ECU, a centralina, que é feita pela McLaren, “não tinha telemetria nenhuma, zero”. Curioso como o ECU é sempre um ecu na vida de Mark, que larga mal pacas. Sutil ficou em sétimo, à frente de Di Resta, que tinha estratégia inversa a do companheiro. Button, com a Marussia prata, foi nono. Tem gente na McLaren que já defende o abandono do projeto do MP4-28 e adoção do conceito do ano passado. Whitmarsh diz que vai insistir. Fortíssima candidata a ficar em quinto este ano. Grosjean foi décimo. Fraquíssimo. Lutou a prova toda com as McLentas, as Toro Rosso e olhe lá. Tiveram Kobayashi nas mãos. Deu nisso. É como Irmã Selma diz: “Eu rezo. E acontece.”

Falando em Toro, até que o carro deles em ritmo de festa é interessante. Vergne saiu da zona de pontuação no fim da prova. Vinha bem. Ficou em 12º, atrás de Pérez, que nada fez. Gutiérrez, então, meu papa francisco dos últimos dias, se a Sauber for depender dele. E vou te falar que em alguns momentos o carro deste ano realmente lembra o design da HRT. Pobre Hülk, que não pôde participar da corrida porque o radiador furou. Aliás, a história de Nico em Melbourne é interessante: dois acidentes na primeira curva e uma não largada. Não convide o jovem para ver o filme ‘Austrália’. Bottas terminou em 14º com essa Williams de dar dó. Que nos enganou. Que enganou a Maldonado. Os caras ainda hão de conseguir sofrer com Bianchi, esse bonzão, com a Marussia, que evoluiu. Julinho passou um sabão na rapa do refugo que deu dó, mais de 40s à frente de Pic. Chilton, fraco, terminou à frente de Van der Garde, fraco e meio.

Só um último ponto em relação a Massa: a chavinha foi realmente virada. É outro piloto, de fato, outra postura, e esse Felipe há de incomodar. Desde que também saiba se impor.

Em alguns dias, então, Sepang há de nos dar a resposta se realmente o problema da Red Bull é a baixa temperatura. Porque se o carro não andar novamente na corrida, meu bom, aquilo que se desenhava enfadonho pelo que Vettel fez nos dois primeiros dias de treinos na Austrália vai para o ralo e, em definitivo, é possível dizer que temos um campeonato.

41 comentários

  1. Andre disse:

    Alias acho que o Webber deve ter feito uma corridaca que ficou apagada por nao perceberem as reais dificuldades do australiano..

    Olha so.
    MB
    Once again if Mark Webber didn’t have bad luck he would have no luck at all. His car had telemetry glitches such that his clutch was not tuned for a good start, and then had KERS issues for 20 laps. A front jack problem meant a slightly tardy stop and so he was well out of position but eventually salvaged a sixth. An elusive Australian GP podium still denies him

    Acho que valia um “remenda” no texto.

  2. Andre disse:

    Dois pesos duas medidas.

    A Maclaren assumiu o erro do ECU.

    Serio que ficar tres voltas a mais e a Ferrari nao sabia que ele estava perdendo tanto terreno? Que equipe mais incompetente nao e?

    Estou esperando o Race Edit da F1 pra ver se tem o audio (ou audios extras) mas assistindo pela Sky,, tenho quase que certeza que ouvi o Martin Brundle dizendo “He is kinda of saying what are you doing to me here boys” em resposta ao que Massa manda pelo radio a equipe..

  3. O Felipe Massa continua como um excelente funcionário público subalterno na Ferrari, e o Fernando Alonso continua como um excelente Cabeça de Chave na Ferrari. O Fernando Alonso lutará pelo título sendo campeão ou vice, e já o Felipe Massa ficará com as sobras do Alonso repetindo novamente um sexto, ou um sétimo lugar no campeonato. O Massa apesar de estar bastante tempo na Ferrari não tem força política e sempre será jogado para o alto nos momentos decisivos das corridas e do campeonato, como ele já está completamente condicionado a pilotar pela Ferrari, logo sua carreira acabará quando a Ferrari despejá-lo!

  4. Álvaro disse:

    Voltando ao assunto do Massa e o erro de estratégia da Ferrari em relação a ele: depois que retiraram o reabastecimento nas corridas, não tem porque ficar na pista para dar voltas rápidas. Isso não funciona mais. Antes os carros voltavam com pneus novos, mas com o tanque cheio, mais pesados, então quem ficava na pista conseguia andar no limite, o Michael era mestre nisso, e fazer voltas rápidas. Percebam, por exemplo, nas corridas das temporadas passadas, toda vez que alguém entrava nos boxes, sempre com algum piloto que estava disputando posição com este que entrou, fazia o mesmo, ia junto para trocar pneus e voltar em pé de igualdade. Isso é básico. Como a Ferrari ou, no caso, o Engenheiro do Massa não fez o mesmo na volta posterior a entrada do Alonso? Fica aí para responderem, se puderem. Ah! Não estou tirando o mérito do Alonso, mas por que fazer outra estratégia com o Massa, já que eles são “os caras” que entendem bem do limite do carro ou o Massa serviu de cobaia?

  5. Luiz felipe disse:

    O problema da Mclaren pode ser resumido em 2 palavras: Martin Witmarsh.

  6. Vitor disse:

    Aliás, mansinho mansinho, o Massa parece o melhor 2o piloto das equipes grandes, né? Massa x Webber x Pérez x Rosberg x Grosjean – Acho que o melhor é o brasileiro na presente fase. Parabéns pra ele por melhorar na pista, no esforço, não no gogó.
    A Ferrari tem grandes chances de ganhar o mundial de construtores, especialmente se melhorar um pouco a estratégia, porque no pit stop eles estão muito bem, e o carro parece ser competitivo.

  7. Vitor disse:

    É muito possível (diria que é o mais provável) que a Ferrari arriscou com o Alonso (não só pra tentar passar o Massa, mas o Vettel e o Sutil também), viu que o pneu médio aguentava mais do que eles esperavam e depois tentou arriscar com o Massa também (na 3a parada), mas não deu tão certo pra ele, porque ele ficou atrás do Hamilton, provavelmente. Ele poderia muito bem ter passado o Vettel nos boxes, e aí a reclamação ia ser bem menor…

  8. Daniel Ramos disse:

    Gostei da corrida(mesmo não vendo, chegando as 2:00 da manhã em casa e bêbado tava difícil de aguentar hehe), mas a Lotus surpreendeu a todos, deu uma rasteira daquelas e mandou ver, mas se tivesse o Kimi e o Kobayashi juntos(ou o Kubica) ia ter conseguindo uma dobradinha(tira esse Grosjean minha filha!, o bicho não pilota pocaria nenhuma), a Ferrari rapaz que melhorada em? Finalmente fizeram um carro que ande, agora sim é a FERRARI! Ela vai ser uma pedra no sapato das grandes, e a Red Bull coitada, fez papel feio nessa corrida em? Vamos ver se é a temperatura mesmo ou a ECU, pra mim isso daí é historinha, devem ter feito alguma cagada no carro e deu nisso, ou Mark Webber e o Vettel não estavam no seu dia(deve ter sido o efeito de ter acordado mais cedo para o treino classificatório). E a Force India, eta nós em? Como eu digo: o Adrian Sutil é um ótimo piloto, rápido, eficiente e doido pra ganhar uma corrida pelo menos, esse guri é dos bons e alguma coisa me diz que vai mostrar muito resultado, e pode incomodar muita gente, e o carrinho que eles fizeram(com a ajuda da Mclaren, que errou no delas, mas na da cliente não, coisa boa em?) é o bicho, precisa melhorar mais um pouco pra alcançar um desempenho ótimo, mas o carro é realmente bom e têm potencial pra melhorar e muito. Já a Sauber e a Mclaren, oh meu deus do céu, o que aconteceu com eles? Os carros simplesmente não andam, especialmente da inglesa, a coisa tá feia em Woking em?
    Olha de início aposto que este campeonato vai ser da seguinte forma: Red Bull, Ferrari, Lotus, Mercedes(que deu uma melhorada considerável) e coloco a Force India como principal equipe que vai incomodar bastante com o Sutil.

  9. Tiago Montoya disse:

    Tsc tsc tsc e muito cedo pra definir o que vai acontecer, mas a postura do Massa desse inicio de ano e mais combativa do que no alvorecer da temporada anterior, isso e claro, pena que vai sempre ter o botão AFTY pra colocar aquele psicológico, no decorrer da temporada isso vai ficando mais sutil, já que o Dom Quixote das Asturiás tem complexo de Hugo Chávez, e o nosso Zaca claramente é o Sancho Pança.

  10. Mario Campos disse:

    Será que o Perez não coçou a cabeça e pensou: “A Sauber do ano passado era mais rápida…”?

  11. THIAGO LIMA disse:

    Ao perceber que o Massa não ia passar ninguém, e isso estava travando o avanço não só dele como do outro carro da equipe, o engenheiro do Alonso arriscou antecipar a parada e entregar pra ele duas voltas de pista limpa no retorno, arriscando porém ter que rodar com pneus mais desgastados no fim do stint.
    O engenheiro do Massa podia ter tentado o mesmo, porém leu a corrida e as circunstâncias de uma forma diferente e seguiu a cartilha de trocar os pneus após um certo número de voltas.
    Se o Massa tivesse feito as ultrapassagens, também teria dado a mesma oportunidade a Alonso, e a Ferrari teria chamado o brasileiro aos pits primeiro, como fez na primeira parada.
    Alonso e seu engenheiro fizeram uma aposta que se pagou, só isso. Podia ter dado errado.

    • Filipe Rodrigues disse:

      Perfeito. Mas hoje em dia tudo que a Ferrari fizer vai ser SEMPRE visto pelos brasileiros com a intenção de prejudicar o Massa. Uma baita pachequisse.

  12. ÁLVARO disse:

    Acordei às 02h da manhã pra ver a equipe Ferrari favorecer, mais uma vez, o Fernando Alonso e pronto. Estou enojado! Fazem, de nós torcedores por uma boa corrida e justa, de bestas. Acho que tá claro para todos quem o piloto ” number one” da equipe. Massa estava fazendo uma das melhores corridas dele. Foi agressivo, mas com segurança e inteligência. E a Ferrari, numa manobra explícita, favoreceu seu queridinho, que não conseguiu,na pista, ultrapassar o Massa. Lamentável!

    • Filipe Rodrigues disse:

      Quanta besteira. Você tão revoltado e o Massa que é o Massa não reclamou de absolutamente nada e continua na Ferrari porque QUER. Se a Ferrari realmente sacaneia o Massa, ninguém obriga ele a continuar lá. Tenha dó.

  13. isael disse:

    Se vcs observaram na 1ª parada do Alonso, a turma da Globo, comentaram que a Ferrari..prejudicou o Massa, mas na realidade..o Alonso foi mais arrojado ultrapassando o Hamilton e ganhou alguns Segundos fazendo a diferença antes de ir para o Box. O Massa term que ser mais arrojado..senão continuará codjuvante.

  14. Roberto Santos disse:

    Concordo com os seus comentários, mesmo porque a F1 está ficando chata, equipes como Willians, Sauber, Toro Rosso e até a McLaren estão em queda livre com pilotos pagantes e sem expressão. Pena que as pequenas são muito ruins, do contrário poderiam andar mais perto. No caso específico da Willians desde a saída do Rubinho que acertava tudo por lá, está agonizando, quero ver o Maldonado e o tal Botas fazerem alguma coisa.

    • Glaucio Branco disse:

      O rubinho acertavaq tudo por lah… rsrsrsrs O Maldonado GANHOU / VENCEU / CHEGOU EM 1º, no seu 2º ano de F1, quando o Rubinho saiu..

      Acho que vc se equivocou…. ^.^

      (Só para deixar claro.. gosto do Rubens, só que acho ele apenas um BOM piloto, não um gênio!)

  15. Silva disse:

    A luzinha vermelha da Ferrari já acendeu logo no primeiro GP.
    Nesses anos nunca vi uma mudança de estratégia no meio da corrida que desse resultado para Massa. Só vem estratégia furada. Já o Engº do Alonso “acerta” com muita frequência. Coincidência?
    Se Massa está falando a verdade a respeito do gp da Austrália (ele não pode falar mal da equipe POR CONTRATO) então precisa urgente trocar de engenheiro, se não, precisa trocar de Equipe.

  16. Viny disse:

    Cara, sensacional seus comentários, ri muito com ‘Marussia prata’, ‘fraco’, ‘fraco e meio’, ‘degustador de vodka’, etc… Muito bom, engraçado e informativo! Parabéns.

  17. Pedro disse:

    Começou a temporada e para nós brasileiros que alimentamos a esperança de ver mais uma vez o Massa brigando pelo titulo foi de extrema frustração, principalmente pq a Ferrari não vai deixar, e mesmo que nessas primeiras corridas ele consiga largar na frente do el fodon a Ferrari dará um jeitinho, não há dúvidas, assim como fez ao longo de sua história…
    O que resta ao Massa é andar ali, 4º, 5º e beliscar uns pódios, assim como fez Kimi ano passado, mostrar que ainda pode ser útil na F1 e tentar uma vaga em outra equipe para o ano que vem, mesmo achando muito dificil ele querer sair da Ferrari, uma vez que vem tudo novo e eles vão querer permanecer com seu segundo piloto experiente e que aceitará qualquer ordem em prol da equipe…
    Minha torcida a partir desse GP é para Kimi, esse sim merece o meu respeito, embora eu seja torcedor assiduo dos brasileiros, estou cansado de alimentar expectativas e acabar sempre frustrado com a imoralidade dessa equipe italiana e com a conivência de nossos pilotos…
    Minha maior expectativa nesse momento está depositada em Felipe Nasr, pois além de ser um excelente piloto, sabe exatamente o que queremos de quem representa esta nação…

  18. Marcolla disse:

    gente tão sem noção que comentário é maior que texto….

  19. Zago disse:

    Mclaren sempre se recupera. Sempre.

    Menos em 2013. Vão largar o osso e desenvolver o carro do ano q vem q não tem como ser uma evolução do carro deste ano.

    Pena. Menos uma equipe pra brigar lá na frente.

  20. Luciano disse:

    O massa ficou atrás do sutil e nem o atacou. A única coisa que ele se esforça é segurar o companheiro de equipe para tentar fazer o joguinho da vítima. Estava com o carro melhor que o alonso e o vettel, mas não parte pra cima. Ele é muito fraco.

    • Filipe Rodrigues disse:

      Concordo plenamente. O Massa é bom em clasificação, porém não tem ritmo em corrida. O Alonso pode largar cinco posições atrás dele que em menos de 10 voltas já estão encostados. Na minha opinião, inclusive, o Alonso é hoje o piloto que tem tem o melhor ritmo em corridas, a constância dele é impressionante.

  21. Luciano disse:

    Não é que o massa virou a chave…É que a ferrari tem carro, e com carro bom até eu ando. Felipe, Webber e outros são daqueles pilotos que se o carro está competitivo vão andar na frente, se não estiver não tiram nada da cartola. O termômetro que a RBR não tá lá essas coisas é que o Canguru-Webber andou lá atrás. Lembram na segunda metade do campeonato do ano passado, quando o Newey acertou o carro e o webber passou a andar bem?

    Para mim o massa não tem o que reclamar… Está na 8ª temporada na ferrari e disputou um título apenas, lá em 2008 quando o desanimado Raikonen estava sem tesão pela ferrari. O alonso, além de levar o santander para ferrari, deu graça ao campeonato de 2010 (senão o vettel ganharia fácil), 2011 foi um passeio da rbr e 2012 conseguiu disputar o título e perder por 3 pontos com a lata-velha vermelha. Se você fosse dono da ferrari privilegiaria quem????

  22. Pelo menos o botão “LUCK” não está no volante do Vettel. Ainda.

    Senão o campeonato já estaria chato.

    Agora… Quem demite um Kobayashi e contrata um ‘Gutierros’, pelamor….

  23. sydnei alves disse:

    Massa está andando bem desde a segunda metade do campeonato passado e não te convence? Para com isso!
    Quando o Grosjean acertar o príncipe das astúcias na primeira volta de algum GP, vcs verão os estrategistas da estrebaria trabalharem para ele e aí sim, ele corresponderá. Hoje o combinado é ele ficar atrás do queridinho do santander, que paga as contas da ferrada. Então ele está cumprindo o contrato direitinho e enchendo as burras de doletas.

  24. Raphael Mendes disse:

    Red Bull falando que foi a temperatura? Hum…ok, em termos de justificar um ritmo igual aos outros, pode ser…mas por outro lado, uma temperatura mais quente consome mais borracha. E aí, a Red Bull teria que fazer 4 paradas para andar sempre rápido na pista?
    Meio balela essa estória. A RB é o carro mais rápido do grid, ponto. Tanto que humilhou a concorrência na classificação. Acontece que isso é em 1 ou 2 voltas e com tanque vazio. Na verdade essa é a grande vantagem da RB: grip do carro com tanque vazio. Nenhuma outra equipe consegue um grip tão alto com o carro leve. Acontece que na corrida, com o carro pesado de combustível, isso faz consumir mais pneu. E com esses pneus de chiclete, eles vão sofrer um pouco nesse início de temporada. Digo início porque Newey e Seb haverão de se achar uma hora ou outra, e aí meu amigo, bau-bau….
    A Ferrari novamente mostra um carro muito bom de corrida. Mas tem que melhorar com o carro leve. Ficar tomando 1s do pole não dá…Dessa vez ficou em 4o e 5o…mas pode virar um 7o ou 8o…e aí vira aquela novela do ano passado: quando consegue se recuperar na corrida, Vettel já está anos-luz na frente.
    Mas com esses pneus a Ferrari parece que ganhou um aliado: eles atrapalham mais a RB.
    O problema então vem de outra ordem: Lotus-Raikonnen. Não se classificam tão bem pq a configuração está em não gastar muito pneu na corrida. E aí pode acontecer esse pulo do gato visto na Austrália.
    Quanto ao Massa, acho que houve sim uma ajuda ao Alonso na segunda parada. Porque esperaram 3 voltas a mais e não só 1 volta depois que o Alonso parou? Mas o fato é que o espanhol regula melhor o carro pois gasta menos pneu e anda tão rápido quanto ou mais. Felipe mesmo com o pneu 3 voltas mais novo não conseguiu andar no mesmo ritmo e sofreu com o desgaste antes. E aí foi ficando pra trás…terminou 20s atrás do companheiro. Ou seja, isso tira qualquer razão de choro dos Brasilinos.

    • Pedro disse:

      Com temperaturas mais elevadas se consome menos pneus na F1, por incrível que pareça.

    • Raphael, só um adendo. Massa quando voltou da segunda parada não teve o mesmo rendimento que o Alonso porque ficou travado atrás de Sutil, se tivesse entrado uma volta antes, não ficaria (considerando uma parada perfeita).

      Acho sim que a Ferrari usou Massa para saber até onde duraria o pneu médio para não errar na estratégia de Alonso dali pra frente.

      Alonso saiu da segunda parada virando tempos melhores que o do Massa, sem falar que uma ou duas voltas antes de Alonso parar Webber já tinha trocado os pneus e virava mais de 2 segundos mais rápidos que todos.

      Tudo bem, chamaram o Alonso antes, mérito da turma dele e dele próprio, mas porque chamar Massa 3 voltas depois sabendo que trocar o pneu seria essencial? Pra mim, usaram o Massa de cobaia pra saber quanto aguentaria o pneu médio. Pachequisse à parte porque não entro nessa. Se fosse Button, Rosberg, Webber e qualquer outro na Ferrari ao invés de Massa, fariam o mesmo.

  25. Brasileiro José disse:

    Victor Martins,
    Somente uma pergunta, para você responder, assim segue:
    Como os carros ano que vem serão outros, você também acreditou que este campeonato de 2013 seria mais parelho?

  26. Carlos Amaral disse:

    Vamos a mais uma temporada. Primeira corrida ainda é cedo, mas as coisas parecem que vão por aí, mesmo.
    Red Bull ainda é o carro, mas pra ser mesmo “o carro” vai ter que se entender com os pneus, senão vai ser isso aí, Vettel brigando com todo mundo e Webber tomando couro de todo mundo.
    Ferrari ainda tá um degrauzinho atrás, vai depender da estrela do Alonso e dos lampejos do Massa pra conseguir alguma coisa. Mas se ele tiver um lampejo desse a cada corrida, vai incomodar. Mas Alonso é o cara, não tem jeito. Até Massa sabe disso.
    Mercedes deu um salto, mesmo. Mas ainda peca em ritmo de corrida.
    Lotus igualmente deu um salto. Mas periga ser equipe de um piloto só, se o Garibaldo não acordar, não pentear os cabelos e não se dar conta que já não é mais promessa.
    Mclaren, o que é isso? Desaprendeu a fazer carro? Chegou com toda pompa dizendo que o carro era novo, e tal, e vem se mostrando a Lego Rossa de 2013. Assim ganha lugar cativo na sexta fila.
    Force India trouxe um carrinho bom, e resgatou um piloto igualmente bom. Se o carro andar bem em todos os circuitos, e não manter a tradição de ter carro que só anda bem em pista rápida, vai dar trabalho, e pode fazer uma graça pra alegrar os apostadores do contra.
    Sauber trouxe a pintura em homenagem a finada Agaerretê, mas não tinha que trazer carro tipo Agaerretê, nem piloto tipo Agaerretê… Até o momento, deu um salto com vontade pra trás. Mas acho a pintura bonita.
    Pra mim, a Toro Rosso andou em círculos. Andou, andou, e parou no mesmo lugar, lá na meiúca. Se continuar assim, não vai sair disso.
    Outra que deu um salto com vontade pra trás foi a Williams. A impressão que deu foi que eles trouxeram o carro de 2011 ao invés do de 2013. E tive também a impressão de que, no final, o sobrinho se deu foi bem, ao ser chutado da barca antes dela naufragar de vez…
    Parece que finalmente a Marussia fez algo que pode ser chamado de carro de corrida. O carro parece que finalmente anda, e arrumaram um francezinho que parece bom de braço, sorry, Razia. Mas vai ser equipe de um piloto só, o outro fulaninho lá, pffff…
    E, pra terminar, coitada da Quêiterram, essa pulou com vontade mesmo. Tampou o nariz, cruzou os braços, trancou os joelhos, e deu aquele pulo bomba estiloso direto pro poço da rabeira. Mudou a cor do carro, trocou os pilotos, mas trocou seis por um e meio. O único mérito do Pic é ter o sobrenome inteiro cabendo na siglazinha da transmissão. E o holandês é o novo jardineiro da F-1, o que ele arrancou de grama nesse fim de semana dá pra plantar o gramado do Maracanâ…

  27. Pedro Jungbluth disse:

    Massa perdeu a posição porque falhou em atacar Vettel no começo e porque ele e o engenheiro comeram bola na estratégia. A Ferrari não ganhou nada com ele deixando de ganhar a posição do Vettel e ficando trancado atrás da F India. Faltou agressividade dele. Largou bem? Sim, Alonso largou melhor mas ficou trancado atrás.
    Ilusão que acha que Massa é muito mais piloto que ano passado… ele está mais confiante, mas o talento dele é o mesmo. Bastam algumas corridas assim que a confiança dele vai pro espaço.
    Ano passado ele só foi bem com pneus duros. Coincidiu 4 corridas com duros na segunda metade e as pessoas acharam que repentinamente ele tinha se tornado mais veloz.
    Não foi nada disso. Ele continua o mesmo de sempre. E esse ano os pneus são bem mais moles, se bem que acredito que a Ferrari consiga lidar melhor com isso.
    Já na comparação com Alonso, o espanhol é Mestre em poupar pneus, não precisa de um projeto perfeito em cima, e mesmo assim é mais rápido que Massa.

    Então discordo de todo o papo que o Massa melhorou do nada. Nas corridas da segunda metade ano passado com pneus moles ele foi tão ruim quanto nos últimos anos. Os compostos duros do ano passado não existem mais, os duros desse ano são pouco mais firmes que os médios do ano passado. E só os duros do ano passado que eram capazes de resistir a agressividade do Massa, lhe dando confiança de pisar tudo.

    • pc disse:

      Concordo contigo. Mais umas tres corridas e tudo volta ao normal. Alonso brigando pelo pódio e Massa brigando com o carro.

    • Brasileiro José disse:

      Pedrão,
      Se o Alonso tivesse largado melhor, pela lógica ele estaria a frente do Massa, lógica, entendeu? Ele ganhou as mesmas 2 posições de Felipe, lógica!!!
      Em tempo, verifique a 2ª metade do campeonato passado….e verá que o Massa, fez mais pontos que o El Fódon e se o Fernando tivesse seguido o Massinha de pão, ele teria vencido o campeonato…mais uma vez lógica…
      Salutar lembrar que, Alonso é the best, mas, colega, se o Massaranduba fosse ruim, o cavalinho rampante já teria lhe dado um coice, você não concorda?????

      • Alexei disse:

        Brasileiro José, mas Alonso foi muito prejudicado na segunda metade do campeonato por dois abandonos: um deles graças ao espírito kamikaze de Grosjean na Bélgica e o outro num acidente com Kimi no Japão. Isso lhe custou muitos pontos. Não foi porque o Massa estava melhor.
        Na Ferrari os contratos são claros e o de Felipe reza: Fernando is faster than you.

    • Pedro disse:

      Creio que vc disse tudo amigo, o problema do Massa sempre foram os pneus, acima de qualquer outro problema psicológico e/ou relacionado ao acidente, desde que a F1 compensou a falta de emoção nas corridas na fabricação dos pneus, o brasileiro andou para trás…Falou-se muito disso tempos atrás…e continuo achando que faz muito sentido, basta olharmos os números…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>