MENU

8 de junho de 2014 - 23:01F1

Mont Real, 3

Felipe Massa

SÃO PAULO | O acidente ali entre Massa e Pérez certamente não aconteceria se a Williams tivesse sido simplesmente ousada e deixado Felipe na pista quando assumiu a ponta, devidamente sabedora que as Mercedes tinham problema e não iriam incomodar.

“Ain, mas é uma situação de risco”. Meu amigo, o que a Williams tinha a perder numa temporada em que sabe que não tem condições de vencer ou mesmo chegar ao pódio diante de uma oportunidade tão clara quanto aquela? Notem: Felipe virava na casa de 1mins19s alto, 1min20s baixo, e os pneus macios, por mais que o calor estivesse fora do comum em Montreal, não desgastavam tanto assim. A Force India, mesmo, mostrou isso.

Felipe tinha pista livre e se manteria facilmente à frente das Mercedes, mesmo até se levantasse o pé e andasse na casa de 1min22s. OK que Hamilton logo abandonou a lojinha, mas Rosberg representaria o bloqueio necessário ao resto do pelotão para que o brasileiro poupasse os pneus em alguns momentos e tentasse a vitória.

Parar, como fez, só dificultaria as coisas no sentido de que pegaria gente com o mesmo motor Mercedes que fala tão alto quanto, e com DRS, no retão. E assim foi: só passou Hülk e Bottas porque ambos se atrapalharam no grampo, não conseguiu passar Vettel e tentou vir no embalo e deu no que deu.

Falta à Williams um quê de Force India em termos de estratégia. Mas um dia, a Williams aprende. Ela é meio novinha nesse negócio chamado F1…

25 comentários

  1. Henri Melo disse:

    Caros, entra ano, sai ano e Massa não consegue acertar suas estratégias. É rápido, mas em termos de estratégia é um desastre.

  2. Fábio disse:

    O pior problema não foi a segunda parada. Eu não queria que parasse a segunda vez, mas não daria, o desgaste dos pneus traseiros da Williams pela falta de downforce na parte traseira é grande.
    O pior foi perder 5 segundos na primeira parada pelo erro no pit.
    Era para voltar junto com Ricciardo e acabou voltando lá atrás…. A corrida seria outra, a competição seria com outros… E não contra um Pérez inconseqüente. Teve que remar muito pra chegar na disputa no final.
    A Williams como equipe não está no nível dos pilotos, foram pelo menos 3 erros gritantes na corrida. O pit um de Massa, o pit de Bottas, que voltou encaixotado num pelotão lento e a demora na ordem para Bottas sair da frente…
    Smedley terá muito trabalho para fazer a equipe trabalhar como equipe grande!!!
    Desculpe Victor, mas mudar a linha no ponto de frenagem quando um piloto está botando de lado não é defesa de posição.
    Se não viu ainda, veja a análise do repórter Antônio Boselli da Sky Sports, muito boa, quadro a quadro. @antonioboselli

  3. Alexandre disse:

    Falou tudo. Se comentários.

  4. Fernando disse:

    Eu até torço para o Massa, como torcia para o Barrichello, para que de tudo certo e nos dê alegrias que há anos não temos mais. O problema é que Massa e Barrichello são dois bons “mocinhos”, são gentis e muito “gente-finas”… não possuem o sangue de campeões, não arriscam, não põem fogo no adversário, são dóceis e fazem tudo ao contrário do que um Senna, um Schumacher faziam e o Hamilton e o Vettel fazem hoje. Massa e Barrichello adotam a postura de levarem os carros pra casa na melhor posição possível, se contentam com um 4º ou 8º lugares. Para se chegar em 1º, 2º ou 3º lugares precisam de algo mais, competência, habilidade e saber dar o bote certo no momento certo e, isso, esse dois não têm e nunca vão ter, são competidores fadados a companheiros de primeiros pilotos, acho que até Barrichello era melhor como segundo piloto, Massa, positivamente é fraco e o que mais chama atenção é um baita pé frio, azarado em dose dupla… querem ver um exemplo – na primeira vitoria de Barrichello em um grande premio da Alemanha, ele se manteve na pista com pneus slick lisos quando começou a chover, foi o único que não trocou para pneus de chuva, arriscou e venceu… nesse fim de semana no Canadá, Massa teve a “honra” de estar na frente das Mercedes e pelas circunstancias de rendimento mais fraco das Mercedes poderia sem trocar seus pneus chegar ao fim e vencer a corrida. O que fez o zé mané, parou nos boxes e trocou por pneus macios, ai cometeu seu segundo erro, já que parou para a troca deveria ter usado os pneus super-macios que por experiência na mesma prova, Perez da Force Índia, que estava em 3º lugar usava os super-macios por 45 voltas sem problema algum e segurando com maestria um Vettel e Riccardo em sua cola, então, o zé mané optou por macios, voltou em 8º sem chance de chegar no podium, isso até uma criança poderia adivinhar… pobre zé mané…
    No acidente, foi lamentável, errou por ter dado o “bote” na hora errada, para ultrapassar naquela pequena reta dos boxes você tem que já estar alinhado com o adversário uns 100 metros antes por aonde ele tentou, já estava quase dentro da curva e quem está na frente precisa fazer a tomada da curva se não vai reto, então, Perez foi obrigado a ir para esquerda de qualquer maneira se não, não faria a curva para a esquerda. Ai, o zé mané errou pela terceira vez, (as imagens de dentro do cokpit mostra massa virando o volante para a direita) vendo que não conseguiria a ultrapassagem, tentou voltar para atrás de Perez para uma melhor saída de curva, já que se ficasse na posição mais a esquerda como estava iria “espalhar” na curva e cosequentemente perderia o contato com Perez para uma tentativa de ultrapassa-lo em outro ponto do circuito, já que essa era última volta… não adianta, temos que reconhecer e nos conformar que o espírito de campeões não temos mais, não temos mais os Fittipaldis, os Piquets e os Sennas, só temos coadjuvantes e olhe lá, não sei se ano que vem ainda teremos ao menos isso…

  5. EduardoRS disse:

    Não é de hoje que esse tipo de coisa acontece com o Massa. Ele não sabe ler uma corrida de dentro do carro, e o engenheiro dele (o Smedley) é fraquíssimo, não acertava uma na Ferrari, e fui junto com o Massa para a Williams.

    Jogaram uma vitória 100% CERTA pela janela. Parabéns aos envolvidos.

  6. roxxon valdez disse:

    faltou piloto e não equipe.

  7. Sandro Marques disse:

    A Willians vem errando demais mesmo. Se cometem erros bobos nos pit stops é difícil imaginar que conseguiriam acertar na estratégia. A pena é que com isso eles estão perdendo boas oportunidades. Se não é um carro imbatível como as Mercedes ainda assim é um bom carro. Espero que o pessoal da equipe trabalhe bastante para corrigir tudo isso afim de aproveitar quando outra oportunidade como essa do Canadá surgir.

  8. Cassio disse:

    Concordo com o Victor Martins, ontem estava assistindo a corrida e comentei a mesma coisa com meu filho. O Massa estava a quase 4 segundos na frente do Rosberg e mesmo com pneus desgastados conseguiria manter a diferença. Como o Riccardo passou faltando poucas voltas pelo Roserg, o Massa seria no minimo 2º colocado (o que já estaria de ótimo tamanho). Mas todo mundo aqui sabe que o Massa perdi muito rendimento com pneus ruins ou desgastados. Acho que por isto a Willians não quis arriscar.

  9. jairo faria disse:

    Agora quando o Bottas estiver mais rápido, ele vai exigir que o Massa dê passagem,, (e com toda razão!!!) ,… pediram a ele para fazer o que pediaram ao Massa fazer e foi aquele indignação nacional,… sou fâ do Massinha,.. mais na minha visão ele atropelou o pobre o Perez que tentava defender o dele dignamente e fazia uma ótima prova,… estão os dois precisando de resultados,… os dois!! (e quêm não esta?)

  10. Fabio Forlin disse:

    Não é de hoje que a Williams está jogando ótimas oportunidades fora.
    Antes que comecem com as teorias conspiratórias de que a Williams só prejudica ao Mass, na corrida de ontem mesmo fizeram o Bottas parar e voltar bem encaixotado a um pelotão de pilotos que estavam mais lentos (na segunda parada), acabando com as chances do finlandês buscar um resultado melhor. Eles são conservadores na hora que deveriam arriscar e arriscam quando deveriam ser conservadores. Aliás, a Williams é conservadora até demais no geral, ainda mais se considerarmos que é uma equipe que não está nem perto de brigar por título…

  11. maciel disse:

    bem acho que a willians errou em não pedir pro bottas dar passagem logo ,uma vez que ele seria ultrapassado mesmo ,ele segurou demais o felipe ,alé tb do erro no pit-stop,talvez o felipe tivesse chance de vitória se naõ segurassem tanto…

  12. Alfredo Aguiar disse:

    Ficou barato.
    Primeiro achei que a culpa tinha sido do xicano, mas, olhando com mais atenção o brasileiro joga o carro em cima da Force Índia feito um doido. parecia que queria passar por cima.
    Vai entender o que faz uma equipe que tem um carro em primeiro, abrindo para o segundo. Parar para trocar pneus. Quando os pneus estivessem no bagaço, se chegassem a tanto, a vantagem seria tamanha que ninguém chegaria nele.
    No entanto como você mesmo falou, é uma equipe novata com um piloto iniciante!!!

  13. sandro disse:

    Rapaz acabei de ver uma imagem no blog do teo josé, o perez ainda estava a frente do massa e ele puxa para direita batendo no pneus. agora estou achando culpa do massa. kkkk

  14. jr disse:

    O massa só n passou o vettel e riccardo pq eles tb estavam com a asa aberta. Se n ele ultrapassava com certeza!
    O que aconteceu com o péraz foi consequência de corrida,mas o mexicano teve culpa no acidente do massa e creio que se ele pssasse pelo pérez,com certeza passaria pelo vettel. Fazia tempo que massa n corria com apetite de vencer e a Willians n teve culpa!

  15. Mauricio disse:

    Você acredita que quase chorei de raiva quando o Massa parou?
    Foi o erro mais gritante da equipe.
    O erro seguinte foi a demora em falar para o Bottas:
    Massa is faster than You!!!

  16. Andersom Calder disse:

    Um Button permaneceria sem problemas até o fim.
    Mas a discussão seria a mesma se o resultado não viesse. Se a Williams tivesse chamado o Felipe voltaria voando.

  17. Nicholas Sana disse:

    Se olhar para a relação de marchas que a williams usa, realmente o massa não seria ultrapassado (assim como não conseguiu ultrapassar ninguem com pneus novos) e seguraria bem até o final, já que o perez estava segurando a galera e ainda teria que passar o rosberg (que não conseguiria, msm que chegasse nele, passar), portanto, foi um uma oportunidade perdida msm!!…uma pena…

  18. cleber disse:

    Sem contar que os 4 segundos perdidos na primeira troca que o colocaram no meio do bolo.

  19. Paul disse:

    Exato VM, pensei isso na hora q vi o Massa parando no pit e eu nem sou estrategista da F1, mas tava muito na cara, pois a Force India tava fazendo isso com os 2 carros….Mas como vc. disse Willians e Massa sao novatos na F1……..

  20. Gibson disse:

    Aí se tivessem feito isso e ele começasse a tomar 1 seg por volta e não chegasse sequer no pódio, estaríamos aqui dizendo que deveria ter parado, porque restavam ainda 10 voltas e que era tempo suficiente para passar a todos uma vez que ele estaria de pneus novos e mais aderentes….
    Coisa de corrida. O que faltou, ao meu ver, foi um espírito do Massa de 2008, do Alonso ou do Vettel, Que seria decidir logo que encontasse, sem muita análise de quando passar, no braço mesmo!

  21. Zenildo Godoy disse:

    Perfeito Victor , disse TUDO .

  22. Gilmar disse:

    Hahaha. É verdade. A Wlliams é muito tímida e faltou coragem a alguém para assumir o risco em uma decisão mais ousada. Quem sabe um dia a filha do Frank faz isso.

  23. David disse:

    Concordo com vc Victor, o grande problema da Williams e achar q ainda e grande… se tivessem arriscado creio q o Felipe vencia a corrida… mas o se nao joga entao…

  24. Leandro disse:

    Concordo plenamente, VM. Se os pneus super-macios do carro de Perez duraram 35 voltas com o carro mais pesado, no início da prova, porque os macios, mais resistentes, não durariam 55 voltas no carro da Williams, com o tanque mais vazio?
    Acho que faltou ousadia para Felipe e a Williams, até porque, como você salientou, não havia a necessidade de imprimir um ritmo muito forte. Oportunidades como esta são raras e não deviam ser perdidas, mas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>