MENU

1 de julho de 2011 - 16:06Stock Car

O lamento da CBA

SÃO PAULO | Um dia depois das notas emitidas por Vicar e Red Bull, foi a vez da CBA se manifestar. E, indiretamente, a entidade admite que houve um erro por seus comissários terem punido Cacá Bueno e Daniel Serra na corrida da Stock Car em Campo Grande, apesar de ressaltar que sua decisão — o drive-through para ambos — foi baseada nos dados da cronometragem, que segue afirmando que não houve problemas em seu equipamento. O comunicado na íntegra é esse, “desculpe a nossa falha”, e deixo os comentários aos caríssimos internautas:

Com relação aos fatos ocorridos durante a quinta etapa do Campeonato Brasileiro de Stock Car V8, disputada dia 5 de junho no Autódromo Internacional de Campo Grande (MS), a Confederação Brasileira de Automobilismo esclarece que:

1) A empresa provedora de serviços de cronometragem reitera que duas aferições realizadas no equipamento utilizado em Campo Grande comprovaram que o mesmo funcionava dentro da normalidade. Em 812 passagens durante a prova ocorreram distorções de medição na ordem de 0,246%.

2) Cabe ao serviço de cronometragem informar aos comissários desportivos o numeral dos veículos que excedem o limite de velocidade na área dos boxes. De posse da informação os comissários desportivos aplicam o parágrafo I do artigo 82 do Regulamento Desportivo da categoria, documento disponível no site da CBA. O procedimento descrito nesse parágrafo foi cumprido de acordo com o estipulado.

3) A escalação dos comissários técnicos e desportivos para atuar em provas de campeonatos brasileiros demanda a presença desses oficiais em seminários e cursos de formação e aprimoramento. Nos últimos dois anos a CBA realizou três seminários dedicados a isso, ministrados por instrutores indicados pela Federação Internacional do Automóvel (FIA) e mantém encontros pontuais para efetuar um treinamento constante desses oficiais.

4) Após o evento em questão foi solicitado à empresa mantenedora dos motores uma análise do sistema de aquisição de dados “onboard” nos dois carros penalizados. O exame mostrou que os pilotos não excederam o limite de velocidade para o local.

5) A empresa provedora de serviços de cronometragem continua investigando possíveis interferências eletro-eletrônicas no local onde o equipamento estava instalado e que poderiam ter afetado aleatoriamente a medição de velocidade.

6) Diante dos fatos já conhecidos é possível entender que as discrepâncias de dados tem origem técnica e não contaram com a interferência dos pilotos. Lamentamos profundamente que o ocorrido tenha causado prejuízos desportivos aos dois competidores envolvidos na situação acima descrita.

Compartilhar

30 comentários

  1. Rodrigo Druszcz disse:

    A CBA já reconheceu que errou…. e esse erro não é de 0.246%, mas sim de 100% para a equipe Red Bull… O que a CBA está fazendo para ressarcir o prejuizo desportivo causado? Nada?

  2. Davy Botas disse:

    O ocorrido de Domingo, só teve um ponto positvo; tornar visível para os organizadores e construtores, mecânicos e todos dos bastitores, que uma providência precisar ser tomada e urgente!
    Graças a Deus e ao espirito de sobrevivencia de Tuka, ele escapou…será que só vão “trancar a porta depois da casa arrombada?”… só irão aperfeicoar esta categoria automobilista considerada a melhor o Brasil, quando houver vítimas?

    Organizadores atenção.. reflitam e hajam!!!!

  3. Fã do Fangio disse:

    Mais uma vez, pergunto: Os comissários erraram??? Se houve erro, foi do equipamento da cronometragem. Se você lesse o regulamento desportivo, saberia que, de acordo com o Artigo Penalizações
    “70. Pilotos não serão desclassificados depois de dada a bandeirada de chegada; A ORDEM DE CHEGADA DOS CARROS NÃO SERÁ ALTERADA”.
    E aí? O que podem os comissários fazer? Eles que devem fazer cumprir o regulamento também devem infringí-lo???
    Leiam regulamentos (os quais não são escritos pela CBA), antes de acusarem ou comentarem sobre algo.
    E sim, puniria sim. Alguém acha realmente que tendo computador(es) trabalhando para saber-se a velocidade nos boxes, fica uma pessoa em tempo integral conferindo o que faz o computador???
    Ainda assim, acho que alguém tem um botãozinho mágico que “embaralha” o sinal da cronometragem. Somente os dois carros da RED BULL??? Estranho, não???

  4. Michel disse:

    Cara, concordo com vc que a CBA tem que se responsabilizar e que a Red Bull tem que levar isso as máximas. Mas não é estranho que entre mais de 30 carros só os carros da Red Bull tenham tido problemas??????
    Quanto a quem errou, descordo de vc. Acho que se, durante a corrida, os comissários tem que se basear em dados oficiais e puniram com essas bases, agiram corretamente. Neste caso, quem errou foi a cronometragem por passar dados errados e a CBA por não reverter a pena depois de apurado o erro. Quanto a telemetria, esses dados não são liberados de forma oficial somente depois da corida?
    Mas cá pra nós, que realmente é um saco ver toda hora o Caca reclamando de alguma coisa, é! Tudo na Stock Car só acontece com ele? Incrivel né? Como comentei anteriormente: Se ele ganha tá tudo bem, se perde, chora, resmunga, reclama e vai contar tudo pro pai dele… Que saco! Deveriam voltar com a Stock Junior, pra ele… kkkkkkkkkkkkkkkkkk

  5. Michel disse:

    Cara, obrigado por dizer mto do que eu sempre pensei!
    O automobilismo no Brasil é horroroso! É normal sempre vermos os mesmos nomes “prejudicados”, os mesmos nomes brigando. Isso não deveria chamar Stock Car, mas sim algo como Pré, jardim de infância. O Caca se ganha tá tubo bem, se perde? Chora, bate o pé, esperneia e corre contar tudo pro pai dele… kkkkkkkkk Acho que Red Bull deveria rever seus conceitos em relação a ele.

    Andre, fica quieto vc!!!! Só se fala de alguma coisa qdo se conhece e parece que o Sr. Fã de Fangio até entende de alguma coisa; principalmente de PI. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Ficou bem feio pra vc hein??????

  6. Thiago Moya disse:

    Aliás, e aquela bizarrice de Chevrolet-Hyundai, será que a Chev aprovou aquele patrocínio maluco?Sabe de algo sobre isso Victor?

  7. Lucas disse:

    Completando com o que aconteceu nessa etapa no Rio, vejam que a direção de prova não mostrou a bandeira VERMELHA, para atendimento do Tuka Rocha e apagar o fogo do carro, acredito que estavam esperando acontecer o pior para pararem a corrida, A explosão do tanque de combustivel ou algo parecido. Do que adiantou ficar andando com bandeira amarela, uma emergencia daquela deveria colocar todo o sistema de segurança em alerta e aquele monte de carro andando, so atrapalharia uma ação rápida.
    Mais uma da sehora CBA, vejo que os cursod e palestras estão defasados ou nao são atendidos por que precisa.

    VIVA A CBA ……

  8. Lucas disse:

    A CBA ha muito é um cancro, seu dirigentes sao tendenciosos e nao teem credibilidade alguma. Precisamos colocar la pessoas que realmente gostem e saibam o que e Automobilismo, Vejo que um grande nome para mudar essa bagunça seria do Washingtom Bezerra, ja ouvi muito sobre ele, suas conquistas e tambem seu temperamento, mas ninguem jamais pois em duvida a seriedade desta pessoa.
    Ser honesto pode atrapalhar muita gente na CBA mas é isso que precisamos, alguem serio e honesto e que conheça o automobilismo.
    Alguem poderia me dizer quem é Pinteiro, o que ele fez, e que beneficio ele ja trouxe para a CBA.
    Nao tenho duvida a CBA nao é o automobilismo brasileiro.

  9. Piloto disse:

    Tudo no Brasil é assim: Tem que conhecer alguem, tem que ter panelinha, tem que ser da turminha. A Rede Bobo de Televisão é o retrato do Brasil… Uma farsa. Os Bueno tão pensando que são a Dinastia do esporte a motor Brasileiro. Acompanho o automobilismo a 20 anos e nunca senti tanta indiferença quanto sinto pela Stock Car, a categoria que a Rede Bobo “adotou” como sua e tenta manipular, assim como faz com as noticias e ideias.
    Compare a programação da Globo à outra qualquer. Tudo na Globo é lindo. Eles fantasiam meeeesmo. A sensação de euforia da programação em nada tem haver com a realidade do nosso Pais. Ate os pobres da novela sao bem vestidos, penteados e inteligentes.
    Não esquecam, amigos da Rede Bobo, a Televisão aberta no Brasil é feito para a massa alienada. Quem tem $orte tem TV a Cabo. A Rede Bobo é feita pra gente que estudou até a 4ª Série. Até a F1 eu assisto pela TV a Cabo, só pra nao escutar aquele retardado bairrista, ufanista tolo. Quando vejo uma televisão ligada na Rede Bobo, tomo o caminho inverso. Na minha casa so a Tv da cozinha pega VHF, por causa da Neusa. Meus filhos são PROIBIDOS de assistir a Globo. Para eles, ensino que a Globo é pior que Cocaina. Destroi qualquer tentativa de educar filhos.

    Ah, e isso nunca vai mudar num País povoado por 500 anos do PIOR DNA do mundo: Todo tipo de ladrão, estuprador e sem futuro que existia no velho continente foi descartado aqui.

    Bem amigos da Rede Bobo! Bem vindos a realidade.

  10. flávio disse:

    E vocês perdem tempo assistindo essa merda de categoria?????????????????
    Embora também seja fã de velocidade, cabe a nós fazermos alguma coisa para mudar, nossa força junta é maior do que qualquer ladrão no poder, mas juntos…….vamos parar de assistir essas merdas e deixarmos de ir aos autódromos assistir essas farsas automobilisticas…..garanto que mudaríamos muita coisa………mas temos que fazer uma grande corrente para que isso aconteça……………

  11. luiz disse:

    Tomara que a RED BULL processe esses merdas da CBA. isso é o fim da picada. errei, te prejudiquei e problema teu….mas nada dura pra sempre, um dia a casa caí..aqui os amantes do Automobilismo e aqueles que participan deveriam agir como nos outros paises, se revoltarem e quebrarem tudo, colocando esses merdas pra rua na marra. vcs continuam a salvação Victor…abração

  12. philipe speed disse:

    Primeiramente ” fâ de fangio” , não se trata de birra ou pessoas choronas e sim de um erro que mais uma vez não o fizeram para ser evitado. Pergunto uma coisa para você, se você fosse piloto e fosse punido indevidamente como você reagiria a isso? Ou quem sabe se o fangio fosse punido indevidamente como seria sua reação?
    É simples, os pilotos da stock em relação a cba é como nós em relação aos políticos que temos…. fazem um monte de cagada e depois saem ilesos é não adiantou choramingar. O que a red Bull está fazendo é louvável em expor a cba e a viçar ao papel ridículo que a mesma está fazendo na categoria maior do país. Prejudicar o trabalho das pessoas é infadonho e nojento ainda mais quando os erros começam a aparecer muito mais perseguição do que outra coisa. Quando se á uma dúvida em um determinado episódio não se deve aplicar a penalidade e assim no final da prova levanta-se as informação e aí sim toma-se a medida. O erro foi inadmissível e primário fazendo nós os telespectadores papel de otários ao aceitar um estupro desses no esporte.
    Se fizeram a cagada porque não concertaram?
    Quando o fâ de fangio disse: “Os comissários, direção de prova, sinalizadores e todos os envolvidos devem tomar suas decisões nos resultados e informações oficiais que recebem uns dos outros. Foi isso o que fizeram: penalizaram os dois por uma informação oficial da cronometragem. Os comissários desportivos erraram???
    É claro que erraram Mané e erraram feio, pois assim que eles receberam a informação da infração e caso tivessem certa noção das coisas verificariam que poderia existir uma falha pela visualização que tinham 50 km para 135 km a diferença é grande você não acha não? Vou perguntar novamente, se fosse você o que faria, puniria?
    Eu sempre aprendi que quem faz cagada limpa e eles fizeram cagada e não limparam e sendo assim não resolveu nada pois os dois pilotos independente de filhos de quem são se fuderam e saíram prejudicados e isso sim parceiro não é justo. Deveriam ter olhado a telemetria e aí sim veriam que houveram equívocos, mas a sede de poder em se impor mesmo quando não têm certeza é maior ainda do que o orgulho e a razão e por isso é quem uma instituição dessas não têm respaldo nenhum muito menos ética e quanto mais lisura…. nem se fala.
    Eu me lembro que desclassificaram o Schumacher em 1994 na Bélgica porque disseram que o assoalho estava 1mm a menos do que o permitido e depois foi constado e isso de deveu ao fato dele ter rodado em cima de uma zebra na parte sinuosa da pista. Eu me lembro que eu fiquei revoltado com esta situação e na época queriam que ele perdesse o título de qualquer maneira para aliviar a barra da williams que naquele mesmo ano teve em sua história a maior tragédia de todas. Mas no fim o melhor do mundo contra tudo e contra todos venceu o campeonato se utilizando da mesma tática do inimigos e calou o mundo da f1. Depois disso não me lembro de ter mais equívocos.
    Portanto espero que a red Bull vire o jogo e mostre que nem mesmo sendo prejudicada por terceiros ela se curvará a essa vergonha que esta o automobilismo brasileiro.

  13. Renato disse:

    Concordo com você. A equipe dos touros vermelhos não é ética. O problema é que a globo comanda tudo o que transmite e queria ver o filhinho do papai Bueno ganhar a corrida.
    Falando nisso, na abertuda do GP do Canadá, antes de iniciar a transmissão ele “babou” criticando o resultado da corrida, só porque penalizaram o filhinho dele… tadinho!
    Outra coisa, o Bueno pai tá ganhando rios de dinheiro da RB para fazer merchandising nas transmissões. Se me lembro bem, ele sempre chamava a equipe de F1 dos touros de RBR e de uns tempos para cá “Red Bull”, arrastando o R, como fazia para falar RRRRRRRONALDINHO…
    Parabéns pelo seu comentário!

  14. Rafael disse:

    Oi,
    A CBA estava aguardando um relatório da NASA, que suspeitava de uma explosão solar que geraria uma possível instabilidade nos sistemas eletrônicos, o que de fato não aconteceu. NASA disse que NÃO ROLOU tal absurdo. Em paralelo a CBA contratou uma equipe de paranormais para investigar uma possível interferência sobrenatural, mas as forcas do alem os mandaram pro inferno. Aí então a CBA soltou o seu comunicado. O atraso em montar a nota foi das forcas do alem, pois a NASA

  15. Fã do Fangio disse:

    Se eu preciso prestar mais atenção às provas, o Sr. deveria procurar se interar dos bastidores. O carro não voltou para os boxes, porque ele “entrou na fila” e parou atrás dos outros. Foram 5 carros que fizeram isso. Todos foram orientado pelos comissários Técnicos a religar o carro e seguir para os boxes. O único que o fez foi o Thiago Camilo.
    No parque fechado pós-prova, os 5 carros foram testados, ligados, andaram para frente e para trás com meios próprios. Portanto os 5 foram desclassificados. O único que reclamou foi o Sr. Bueno.
    Não sei se sobre PI quer dizer 3,14 ou o sistema de telemetria/ data logger/ Displays/ Video Systems/ sensores/ etc que, com certeza você não sabe, é fabricado pela inglesa Cosworth.
    Aliás, você sabia que o sistema de telemetria PI é usado na Stock Car por exigência da Globo, pois é o único sistema de telemetria que “conversa” com o equipamento deles? Quando a Globo não transmitia, eles usavam outro sistema.
    E eu nunca falei que o PI não estava correto. Também nunca afirmei que a cronometragem estava correta. O que afirmei foi:
    “Os comissários, direção de prova, sinalizadores e todos os envolvidos devem tomar suas decisões nos resultados e informações oficiais que recebem uns dos outros. Foi isso o que fizeram: penalizaram os dois por uma informação oficial da cronometragem. Os comissários desportivos erraram???”
    Se vc está rindo do Fangio, de duas uma: ou não conhece nada de automobilismo, principalmente de sua história e seus ídolos, ou é mais uma “viuvinha da Tamburello”.

    • Gutinhos disse:

      Nossa, que comentário invejoso. Você deve ser muito fracassado, para criticar tanto Caca Bueno, Red Bull / WA Mattheis, que fazem um trabalho bem profissional e bem sucedido.

  16. Ricardo disse:

    Mais uma vez a CBA prova que não tem moral nem credibilidade para gerir o esporte. Tão fácil seria resolver esse tipo de situação, se não houvessem interesses particulares. Era só colocar gente experiente como comissário de prova, tal como o Montangner ou mesmo pilotos experientes como Ingo, Emerson, Alencar Jr…

    Como colocar um camarada de uma federação de um estado onde mal ocorrem provas para decidir o que é legal ou ilegal numa corrida? Vai dar m.e.r.d.a com certeza!

    Além disso, tem o tal regularmento que é culpado por isso, pois deixa essas brechas enormes para a dupla, tripla interpretação dos pilotos e chefes de equipe. É o tal dois pesos e duas medidas.

    A stock não tem mais jeito não. É falir e recomeçar com outra diretoria.

  17. Fã do Fangio disse:

    A Red Bull, como equipe no Brasil, tem menos de 9 anos. Começou com o automobilismo mundial (F-1, NASCAR, etc) há nove anos. Porém no Brasil, não faz tanto tempo.

    O profissionalismo desses pilotos é meio sem ética. Afinal qual profissão não tem algum profissional sem conceitos éticos e morais?

    Mais uma vez, a RED BULL e somente ela, reclama de outra punição em Campo Grande. Ano passado, foi a “pataquada” do Sr. Bueno parando na pista sem motivos aparentes. Foi desclassificado por isso. Passado o episódio, o mesmo Sr. Bueno, para variar, reclamou, esperneou, mostrou a real criança birrenta que é e bradou aos ventos (leia-se imprensa escrita, falada, filmada, internet, etc) citando o regulamento que dizia mais ou menos assim:
    O carro que não conseguir chegar aos boxes, deverá ser conduzido ao mesmo pelo resgate.
    O que ele não citou foi o parágrafo seguinte que falava mais ou menos:
    O carro deverá ser conduzido aos boxes por meios próprios, sempre que o veículo tiver condições para tal.
    A parada foi porque o carro deve terminar a prova com 3 litros de combustível no tanque. Esses litros devem ser disponibilizados para a CBA a fim de serem analisados
    Se os 3 litros não estiverem disponíveis, o carro/piloto será desclassificado.
    Não tinha os 3 litros. Cumpriu-se o regulamento e ele foi desclassificado. Resultado: choradeira.

    Sobre a dupla penlização da RED BULL em Campo Grande, por que só aconteceu com eles? Será que o equipamento da cronometragem foi doutrinado a cometer erros somente com os carros 0 e 29?? Será que a equipe RED BULL desenvolveu um equipamento que visa embaralhar o sinal da cronometragem a fim de esta não marcar a velocidade de seus carros na entrada de box? O que seria o mais provável? Um computador errar ou um piloto/equipe tentar burlar a regra? Para mim, está claro.

    Os comissários, direção de prova, sinalizadores e todos os envolvidos devem tomar suas decisões nos resultados e informações oficiais que recebem uns dos outros. Foi isso o que fizeram: penalizaram os dois por uma informação oficial da cronometragem. Os comissários desportivos erraram???

    Com relação às mudanças, tenho a dizer:

    1) Os comissários, diretores de prova, sinalizadores, integrantes de resgate, médicos, enfermeiros, seguranças, faxineiros, todos os envolvidos são sim profissionais. E muito. Alguns deles atuam na função há mais de 30 anos. 30 anos fazendo errado e só um piloto, o maioral, o melhor, o mais importante da história poderia perceber. Claro que foi o Sr. Bueno. Só como complemento, os ex-pilotos que atuam na Fórmula 1 hoje, são consultores e não comissários. Mais uma coisa: o ex Diretor de Prova, Sr. Sérgio Berti foi sumariamente excluído de sua função, pois afirmou que o automobilismo é um esporte de risco. Agora que interessa ao Sr. Bueno, essa afirmação passou a valer.
    2) As punições são consistentes e coerentes. Por uma acaso, seria justo punir um piloto que deixou os pits com o tanque de reabastecimento atado ao carro, tendo este se soltado dentro dos boxes ainda, sem nenhum tipo de incidente maior sendo causado, da mesma forma que outro que, na mesma situação o tanque solta-se na pista, acerta outro carro, faz o piloto rodar, bater e abandonar a prova? Se a punição deve ser a mesma, os sistemas judiciários ao redor do mundo devem ser todos revistos. Afinal apenas um piloto, o maioral, o melhor, o mais importante da história poderia descobrir que “assassinato” e “tentativa de assassinato” são a mesma coisa e merecem a mesma pena. Isso não é “dois pesos, duas medidas”. Isso é interpretação de fatos e conseqüências.

    3) A melhor maneira de evitar “zonas cinzas” nos regulamentos é os pilotos e equipes parassem de desonestidade e seguirem o que está escrito. Se foi colocado no regulamento, tem algum motivo. Não “foi gratuito”. Aliás, falando em regulamentos, quem auxiliou a escrever esses foi um ex-piloto. Talvez por esse motivo, não tenha ficado claro como o piloto, o maioral, o melhor, o mais importante da história exige.

    4) Finalmente uma: Com essa, eu concordo.

    Se corrida é na pista, por que a palhaçada toda acontece sempre depois que ela acaba?

    Trocam-se diretores de prova (o Sr, Montagner foi substituído pelo Sr. Sérgio Berti e esse foi trocado pelo Sr. Mirnei), colocam-se os comissários fixos que os pilotos tanto exigiram e o resultado não muda: RED BULL e Sr. Bueno reclamando e descontentes com a CBA. Sou só eu que acho que o problema são eles???

    Sobre o Sr. Daniel Serra, não tenho muito a declarar. Somente que, para mim, ele é apenas o filho de um grande piloto da Stock Car: Chico Serra.

    • andre disse:

      Fica quieto….o Senhor Bueno Parou na pista…porem o senhor ricardinho e Sr Marquinhos pararam na corrida do milhão e nada aconteceu com eles…acho que vc precisa ver as corridas com mais atenção…FANGIO…hahahaha
      E se o carro não voltou para o box, pode ter ser por várias coisas….não somente para ter 3 litros no tanque…..
      E você realmente não deve nem saber o que é um PI, camera on board…..eles provaram com essas duas coisinhas que falei anteriormente que estavam corretos.
      Tanto estavam que a CBA enfim assumiu i erro….
      Grande entendido de corrida vc eim FANGIO…

    • Márcio Vilarinho Amaral disse:

      “Sobre a dupla penlização da RED BULL em Campo Grande, por que só aconteceu com eles? Será que o equipamento da cronometragem foi doutrinado a cometer erros somente com os carros 0 e 29?? Será que a equipe RED BULL desenvolveu um equipamento que visa embaralhar o sinal da cronometragem a fim de esta não marcar a velocidade de seus carros na entrada de box? O que seria o mais provável? Um computador errar ou um piloto/equipe tentar burlar a regra? Para mim, está claro.”

      Prezado Fã do Juan Manuel (que foi um gênio, talvez o maior piloto da história), responderei sua pergunta acima com outra.

      Numa área (o pit lane) onde a velocidade máxima é 50 km/h, não é um tanto estranho 30 carros passarem dentro dessa velocidade, um passar a 80 e outro a 137? Se alguém tentasse burlar o sistema de cronometragem, faria de forma tão grotesca?

    • Leonardo disse:

      Perfeito!!

      E sobre a corrida do milhão, melhor você, Sr. André se informar, nela o regulamento é diferente, não é o mesmo das demais.

  18. Zezinho, o verdadeiro disse:

    O ultimo que sair apaga a luz! Combinado?
    Uma nota longa e sem qualquer explicação plausível, carregada de inverdades é o que nos apresenta o boneco do ventrilogo, só não disse quem paga a conta pela incapacidade de seus nomeados uma vez que quem contrata é a VICAR, mas a indicação é da CBA.
    Um baita desrespeito para com as equipes alem de abusarem da capacidade de discernimento dos envolvidos com o automobilismo. Todos nós sabemos que seminários não forma ninguém, é feito para aprimorar conhecimentos e eu pergunto que conhecimento tem um conselheiro fiscal da federação gaucha para se aprimorado, cadê o CEOC – Centro de Excelência para Oficiais de Competição que foi criado na gestão anterior para formar desde bandeirinhas até comissários desportivos (esta numa revista da CBA de 2008 ou 2009)?.
    Resumindo trocaram uma cronometragem com uma vasta experiência por uma dirigida por um tal “MOSQUITO”, se pararmos para pensar já era de se esperar pois onde podemos encontrar um monte de mosquitos? Acertaram!!! Num monte de mer… Aliais tem um ditado bem antigo que prevê que só colhemos aquilo que plantamos.
    Jogaram todas as fichas no Boneco do ventrilogo e este como para se expressar depende da ajuda de um ventrilogo, uma vez esta no colo do Carlos Col e em outras no colo do REI VALDUGA e quando esta sem dono expõe sua arcada dentaria de 180 dentes num sorriso só.
    Parabéns CBA e meu pesamos para os pilotos que ainda se sujeitam a participarem desta palhaçada. Aguardem, pois vem mais mer… por aí, escutei dizer que os processos e inquéritos aqui no sul estão andando bem mais rápido do que o normal. Em breve teremos seminários nas cadeias gauchas.

  19. Marcos Antonio disse:

    E continua tudo na mesma no lindo país das maravilhas. O que me entristece é saber que o todo poderoso Valduga faz o que bem entende na CBA e nada é feito, pois ele tem a conivência dos presidentes das federações estaduais de automobilismo e na próxima eleição, alguém da atual laia da CBA será eleito e tudo continuará lindo e maravilhoso (para eles).

    A única solução seria um promotor público resolver investigar a CBA e FAUs, mas isso é sonhar acordado…. Adeus automobilismo brasileiro.

  20. Daniel Nishikawa disse:

    O comunicado ficou com cara de “Erramos. E daí?”. E o trabalho de pilotos, preparadores, mecânicos, engenheiros? E os milhões de dinheiros (porque a Stock é uma categoria muuuuuito cara) investidos pelos patrocinadores? Como fica tudo isso? Se pedidos de desculpas resolvessem os problemas não existiriam tribunais.

    • andre disse:

      não porque o tribunal é da CBA, nenhum piloto ganha quando parte para esse lado.
      E o trabalho de um final de semana é jogado fora assim, com um SIMPLES pedido de desculpas…..
      AUTOMOBILISMO NO BRASIL= INCOMPETÊNCIA

    • André disse:

      Mas o que você acha que eles deveriam fazer? Esportivamente não tem como reparar esses danos. Só se fosse pagando multa para a equipe prejudicada.
      André / Piloto no http://www.f1bc.com

  21. RafinhaDias disse:

    Malditas interferências eletro-eletrônicas!

  22. Lucas Ribeiro disse:

    Victor, fora o mimimi, acho que erraram o lugar daquele “0,”. Não deveria ser “0,246%”, e sim “246,0%”. Que, afinal, é uma diferença muito relativa.

  23. tarso marques lima disse:

    se o piloto erra, ele é punido. se a cba erra, o piloto é punido…

    nao importa quem erre… o piloto sempre será punido e nada acontece com a cba e seus comissarios….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *