Quem é a myWorld

Q

SÃO PAULO | O fã mais atento deve ter reparado na apresentação inicial dos treinos 1 e 2 d’hoje que o GP da Áustria tem um patrocinador principal novo — e que não é a Red Bull, incrivelmente. Tava lá, bem como no material de divulgação da Fórmula 1, o seguinte:

 

image (6)

myWorld Großer Preis von Österreich é o nome oficial da corrida. O logotipo estava estampado nos carros de Albon e Kvyat, os da Toro Rosso. Mas que marca é essa?

A myWorld é uma companhia de tecnologia e inovação que tem como principal marca a Cashback World. Sabe quando você compra alguma coisa pela internet e tem uma porcentagem do dinheiro de volta? É isso. Uma comunidade de compras que junta uma série de marcas, como fidelização de clientes e clubes esportivos — tal qual o Méliuz. No Brasil, a myWorld atua há dois anos, e o planejamento aponta que, nos próximos cinco, boa parte dos clubes brasileiros de diferentes modalidades esportivas já façam parte do grupo e façam uso das vantagens.

Estão previstas ações da myWorld com a Toro Rosso para a semana do GP do Brasil de F1.

Sobre o Autor

Victor

Jornaleiro, dinamarquês, bebum, calhorda, galhofeiro, mulambo e autor de selfies com urnas. Tô sempre no Grande Prêmio e às vezes na ESPN

2 Comentários

  • Concordo Douglas, também gosto de saber sobre patrocinadores e me surpreendo como a mídia não costuma dar atenção ao assunto (especialmente a televisiva).

  • Acho legal uma explicação sobre os patrocinadores, poucas vezes a gente tem e muitas vezes não temos informações sobre algumas empresas. Mas por exemplo conheci a AirBnB pelo patrocínio nos carros da Manor. Então é bem legal a iniciativa.

Por Victor

O dono da bola


É jornalista, palmeirense, dinamarquês por opção e sempre pensou que ia ter de cobrir futebol antes de chegar ao automobilismo, que acompanha desde os 7 anos. E desde que se formou, está na Agência Warm Up e no Grande Prêmio, isso há mais de 13 anos. Neste tempo, foi colunista do iG, escreveu para 'Folha de S.Paulo', 'Lance!' , 'Quatro Rodas' e 'Revista Audi', foi repórter da edição brasileira da 'F1 Racing', cobriu F1, Stock Car, DTM, a Indy e quatro edições das 500 Milhas de Indianápolis, e outras categorias ‘in loco’. Agora também é comentarista dos canais ESPN. Conheceu cidades como Magdeburgo, São Luís, São Bento do Sul e Nova Santa Rita, traduziu um livro da Ferrari e já plantou um monte de árvores. Tem quem fale que seria um grande ator, mas ter ganhado o Troféu ACEESP 2011 como 'Melhor repórter' da imprensa escrita mostrou a escolha menos errada. Adora comida japonesa, música eletrônica e odeia ovo, ervilha e esperar. “Necessariamente nessa ordem", diz.
ASSINE O RSS

Arquivos

Categorias

Tags

Twitter

Publicidade

Facebook

Publicidade